quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Jair Ventura promove testes no treino do Botafogo; Renan Gorne se destaca


Treinador acenou com a possibilidade de abrir mão dos três volantes contra a Chapecoense



Jair Ventura tenta confirmar o Botafogo na próxima Taça Libertadores (Foto: Vitor Silva/Sspress/Botafogo)

O espaço de dez dias entre o clássico com o Flamengo e o duelo contra a Chapecoense dá margem para o Botafogo recuperar atletas e fazer testes. Já que Sassá está suspenso, mas Diogo Barbosa está, agora, 100%, as atividades "à vera" tiveram início nesta quinta-feira, em General Severiano.

Sob um sol escaldante e um céu sem nuvens, o técnico Jair Ventura promoveu uma atividade tática sem alinhar seus 11 titulares juntos. Mas fortes indícios foram vistos na divisão por setores: jogadores de defesa e meio/ataque se enfrentavam, em grupos de quatro por vez.

Sem novidades no primeiro setor, o meio-campo teve a alternância entre Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e Airton. Sempre um saía; Diogo Barbosa trabalhou o tempo todo com os demais titulares, e no meio-campo; Leandrinho foi outro que treinou com os principais jogadores. No ataque, Neilton e Rodrigo Pimpão.

Atacantes chamam atenção

Renan Gorne mostrou inspiração ao dar um lençol no goleiro e completar para o gol de cabeça. Dois minutos depois, o centroavante finalizou de bicicleta e a bola foi na trave; Sassá chegou a dar um susto, ao deixar a atividade com dores no pé esquerdo. Mas voltou e fez o gol derradeiro da atividade.

Fonte: Lancenet/Felippe Rocha/Rio de Janeiro (RJ)

A lista de Matheus Fernandes: joia do Botafogo traça dez metas na carreira


Libertadores, títulos, Mundial sub-20, seleção brasileira... integrado definitivamente ao elenco profissional, volante, 18 anos, revela seus objetivos. Três já foram atingido



Integrado definitivamente ao elenco profissional do Botafogo, Matheus Fernandes não pode reclamar da vida. Afinal, o ano de 2016 foi generoso. Além da promoção ao time de Jair, o volante, 18 anos, teve o contrato renovado até 2019, recebeu um reajuste salarial e foi campeão carioca e brasileiro sub-20. O bom momento foi coroado com a convocação do técnico Rogério Micale para a seleção brasileira da categoria.

Ok, "Coquinho", como é chamado no clube, não tem do que reclamar de 2016, mas o garoto é ambicioso e expectativa é de saltos ainda maiores na próxima temporada.


Em bate-papo com o GloboEsporte.com, o volante, natural de Itaboraí, município da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, revelou dez metas traçadas para o início da carreira. As três primeiras já foram atingidas. Confira!

Matheus Fernandes e sua lista de metas (Foto: Marcelo Baltar e Editoria de Arte)

SUBIR PARA O PROFISSIONAL
"Foi um ano cheio de coisas boas para mim. Consegui subir para os profissionais, fiz a pré-temporada. Apesar de ter vindo de uma Copinha (Copa São Paulo de Juniores) ruim, eu subi, depois desci novamente para ser campeão brasileiro-sub 20 e voltei aos profissionais. Agora espero mostrar trabalho para o Jair (Ventura), buscar espaço no grupo e, se Deus quiser, disputar a Libertadores"


TÍTULO DO BRASILEIRO SUB-20
"Querendo ou não, a gente entrou para história do clube. Foi um título importante, mas busco coisas maiores e quero ganhar agora um título brasileiro pelo profissional"

Matheus Fernandes na decisão do Brasileiro sub-20, contra o Corinthians (Foto: Vitor Silva / SSpress / Botafogo)

CONVOCAÇÃO PARA SELEÇÃO SUB-20
"Essa convocação foi importante. Pude mostrar meu trabalho para ele (Rogério Micale, técnico da Seleção sub-20) e também aprender muitas coisas. Trouxe muita coisa que aprendi para o Botafogo e espero voltar"


CONVOCAÇÃO PARA O SUL-AMERICANO SUB-20
"Estou trabalhando forte no Botafogo. Se Deus quiser essa convocação vai vir. Tem sempre gente olhando. Não posso parar"


CONVOCAÇÃO PARA O MUNDIAL SUB-20
"Vivo essa expectativa. No ano passado aconteceu uma coisa triste. Antes da viagem, machucado, eu fui cortado (lesionado, Matheus ficou fora do Mundial sub-17, em 2015). Espero que esse ano isso não aconteça e quero ser convocado para o Mundial (em maio de 2017, na Coreia do Sul). Vou trabalhar bastante para isso"


ESTREAR NO PROFISSIONAL
"Estou esperando e trabalhando forte para colocar uma dúvida na cabeça do Jair (risos). Já venho sendo relacionado. Agora espero entrar"

Nota: Matheus participou de um amistoso, no início do ano, contra a Desportiva.


DISPUTAR A LIBERTADORES
"É incrível. Há poucos meses eu pensava em Brasileiro sub-20, e agora já estou pensando em disputar a Libertadores com o Botafogo. As coisas vêm acontecendo muito rápido. Isso é legal. Estou vivenciando esse momento, jogando ao lado de caras que sempre admirei, como Airton, Jefferson. Para mim é maravilhoso, inesquecível. Todo jogador profissional sonha um dia disputar uma Libertadores"

Matheus Fernandes vem treinando e foi relacionado para a partida contra o Coritiba (Foto: Vitor Silva / SSpress / Botafogo)

GANHAR UM TÍTULO IMPORTANTE PELO BOTAFOGO
"É o caso da Libertadores. Vai que pinta a chance? Futebol é futebol (risos). Quero cumprir meu contato (até 2019) e ter muitas conquistas. Quero fazer essa torcida gritar muito "é campeão" no futuro"


VIRAR TITULAR DO BOTAFOGO
"Tem muito cara experiente, mas estamos ali brigando lado a lado. Deu brecha, vamoembora!"


CHEGAR À SELEÇÃO PRINCIPAL
"É um sonho. Mas para isso tenho que jogar aqui no Botafogo. Até por isso estou aqui todos os dias buscando o meu espaço para chegar lá em cima"


Fonte: GE/Por Marcelo Baltar e Thiago Lima/Rio de Janeiro