segunda-feira, 13 de março de 2017

Preço do Maracanã assusta, e Vasco x Botafogo será no Nilton Santos


Maracanã pede aluguel de R$ 1,35 milhão, em reunião, e clubes recusam. Jogo válido pela Taça Rio acontece no domingo (19), às 18h30 (horário de Brasília)




Nilton Santos recebe clássico no fim de semana
(Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)
Representantes de Vasco, Botafogo, Ferj e Consórcio Maracanã passaram pouco mais de uma hora para decidir os rumos do clássico entre os clubes, válido pela Taça Rio, que acontece neste domingo (19). A proposta da federação era de que o clássico acontecesse no Maracanã. A concessionária pediu R$ 1,35 milhão no aluguel do estádio e, no fim, ficou definido que os times se enfrentam no Nilton Santos, às 18h30, com torcida mista.

Apesar de o mando de campo ser do Vasco, na tabela, no Campeonato Carioca quem decide o local de jogo é da Federação. A Ferj queria a partida no Maraca, para cumprir o regulamento do Campeonato Carioca, que impõe a realização de todos os clássicos no estádio. Com o alto custo pedido pelo Maracanã, os clubes recuaram. Presidente do Vasco, Eurico afirma que o estádio não está pronto, e evitou comentar a alta proposta do estádio.

- Vai ser realizado no Nilton Santos. O Maracanã não está em condições ainda. Está em conversações com a Federação. Finalizando isso, os clássicos podem ser lá. Por enquanto, como determinada o regulamento, Nilton Santos. A operação do jogo é do Botafogo. O estádio é deles. Se o Botafogo jogar, tem que ser operação deles. Eu ia jogar no estádio deles e fazer a operação? Não - comentou Eurico Miranda, ao fim da reunião.

Eurico Miranda afirma que Maracanã não está pronto para receber jogos (Foto: Caio Filho / GloboEsporte.com)

Desde o início do Campeonato, o Vasco tem à sua disposição São Januário, e o Botafogo, o Nilton Santos. Sendo assim, sem necessidade de gastos, os presidentes Carlos Eduardo Pereira e Eurico Miranda rejeitaram a proposta de ir ao Maracanã.Segundo o regulamento, Nilton Santos é a segunda opção.

Presidente do Botafogo, Carlos Eduardo mencionou a vontade de promover, também, o clássico contra o Fluminense no Nilton Santos. E diz não ter pressa para resolver o assunto "Maracanã".

- Vamos conversar com o presidente do Fluminense. Se ele estiver de acordo, realizaremos, também, o Botafogo e Fluminense no Nilton Santos. O problema (para Vasco x Botafogo) não foi financeiro. A negociação com o consórcio do estádio só está começando. Tem muitos aspectos que precisam ser atendidos nessas negociações para que todas as partes fiquem confortáveis.


CEP elogiou a relação que o Botafogo tem com Vasco e Fluminense.

- Temos um relacionamento com o Vasco, com o Fluminense que é o melhor possível... Acho que podemos resolver esse assunto (Maracanã) com calma. O Nilton Santos é um estádio considerado neutro nos grandes clássicos. O espaço será o mesmo dividido entre as duas torcidas. As diretorias vão até ficar em camarotes vizinho. A relação das torcidas é boa, e tenho certeza que vai ser um grande clássico e tudo vai correr bem.


Fonte: GE/Por Caio Filho e Felipe Schmidt/Rio de Janeiro

Fora contra o Estudiantes, Canales se irrita e encaminha rescisão com o Bota


Após ser inscrito na última sexta na Libertadores, atacante fica chateado por ficar fora da relação, se reúne com o presidente e acerta rescisão depois de 11 jogos pelo clube



A inscrição na Libertadores, na última sexta-feira, deu a falsa impressão de que Botafogo e Canales haviam aparado as arestas. Ledo engano. Em reunião no final da manhã desta segunda-feira, em General Severiano, o atacante chegou a um acordo, vai rescindir contrato e está fora de General Severiano.


A rescisão deve ser assinada ainda nesta semana. Canales ficou chateado por não ter sido relacionado por Jair Ventura para a partida contra o Estudiantes, nesta terça-feira. Após o treino desta segunda, o atacante deixou o Nilton Santos com cara de poucos amigos e se reuniu com o presidente Carlos Eduardo Pereira, em General Severiano. As partes chegaram a um acordo, e o chileno não joga mais pelo Botafogo.

Canales não joga mais pelo Botafogo (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Canales tem contrato com o Botafogo até dezembro. A rescisão é vista com bons olhos pelo Botafogo, uma vez que o atacante tem um dos maiores salários do elenco (R$ 280 mil).


Prestes a completar 35 anos, Canales disputou apenas 11 jogos e marcou um gol pelo Botafogo. O atacante chegou ao Botafogo em maio do ano passado, mas conviveu com problemas físicos e passou por uma cirurgia no tornozelo em outubro passado. Mesmo recuperado, perdeu espaço e não foi mais aproveitado por Jair Ventura.


Fora da lista do Campeonato Carioca, Canales vinha treinando normalmente desde janeiro. Nesse período, ele perdeu 7 quilos e seu percentual de gordura caiu de 20 para 13. Na última sexta-feira, o Botafogo realizou jogo-treino contra o Santa Cruz para dar ritmo ao atacante, que foi inscrito na fase de grupos da Libertadores.


Fonte: GE/Por Felippe Costa, Marcelo Baltar e Thiago Lima/Rio de Janeiro