domingo, 16 de novembro de 2014

Após "chute no vácuo", Carlos Alberto explica gol perdido contra o Flu


Meia do Botafogo diz que não percebeu recuperação de zagueiro tricolor e usou informação sobre modo de sair e defender do goleiro Diego Cavalieri






Diante de Diego Cavalieri, Carlos Alberto perdeu a maior chance de gol do Botafogo na partida vencida pelo Fluminense por 1 a 0, pela 34ª rodada do Brasileirão neste sábado, no Maracanã. O lance aconteceu aos 25 minutos do primeiro tempo, quando o camisa 19 tentou uma firula a mais e deu tempo ao zagueiro Marlon prensar a bola e mandar para escanteio. Ao final da etapa inicial o botafoguense explicou a situação.

- Eu esperei a definição do Cavalieri e achei que o adversário estava um pouco distante, poderia ter definido mais rápido, mas a gente tinha uma informação que ele já vem caindo. Então esperei isso, porque foi me informado - disse o meia do Botafogo.

Carlos Alberto faz firula e perde chance de abrir o placar diante do Fluminense (Foto: Reprodução SporTV)
A maneira que o camisa 19 do Botafogo tentou concluir a jogada lembra o "chute no vácuo", que é um drible irreverente, quase uma marca registrada de Valdivia, meia do Palmeiras. O comentarista do SporTV, Lédio Carmona, criticou a maneira displicente que o jogador do Botafogo tentou concluir a jogada diante do goleiro do Fluminense.

- Brincou, fez firula na hora de decidir - disse.

A vitória tricolor deixou o Fluminense com 57 pontos, em 5º lugar, embolado na briga pelo G-4. O Botafogo segue com 33 pontos, na 18ª posição. Na 35ª rodada, os dois clubes cariocas terão pela frente adversários catarinenses. O Tricolor receberá no Maracanã a Chapecoense, na quinta-feira, às 19h30. O Alvinegro enfrentará na véspera, na quarta, às 19h30, o Figueirense, em São Januário.

Por SporTV.comRio de Janeiro