sábado, 22 de novembro de 2014

Jobson ganha nova chance como titular e é excluído de treino de pênaltis


Vagner Mancini decide manter equipe de última partida e confirma atacante contra a Chapecoense, mesmo após discussão



Definitivamente, a discussão é água passada. Mas o pênalti, nem tanto. O treino realizado na manhã deste sábado, em Chapecó (SC), deixou claro que Jobson será titular na partida contra a Chapecoense, domingo. Após o desentendimento na derrota para o Figueirense, o técnico Vagner Mancini confirmou o atacante no confronto decisivo para o Alvinegro, assim como o restante da equipe que atuou em São Januário na última quarta-feira. No entanto, o camisa 10, que perdeu um pênalti na última rodada, sequer treinou cobranças.

Observados de perto por Vagner Mancini e seus auxiliares, alguns jogadores praticaram cobranças diante do goleiro Jefferson. Ronny, Régis, Gegê, Murilo, Bruno Corrêa e Zeballos treinaram, mas nenhum deles conseguiu converter todas as tentativas em gol.

Botafogo treina cobranças de pênalti no CT da Chapecoense, neste sábado (Foto: Gustavo Rotstein)

Na atividade deste sábado, realizada no CT da Chapecoense, na localidade de Água Amarela, Mancini enfatizou o posicionamento da equipe, principalmente na saída de bola do adversário. Em seguida, orientou a marcação nas jogadas de bola parada. Por último, os atletas realizaram uma atividade recreativa.

O Botafogo deve começar a partida com a seguinte formação: Jefferson, Régis, Dankler, André Bahia e Junior Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Bolatti e Murilo; Jobson e Bruno Corrêa.

Com 33 pontos, o Botafogo pode ser rebaixado neste domingo. Isso se perder para a Chapecoense, e o Vitória vencer o Figueirense em Florianópolis.

Por Gustavo RotsteinChapecó,SC/GE