segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Negociação com Osvaldo esfria, e Botafogo tenta Lucca, do Corinthians


Atrás de atacantes, Alvinegro corre para fechar elenco antes da reapresentação e tem esta semana para concluir negócio com Timão. Ponte Preta e Vitória são concorrentes



Campeão brasileiro em 2015, Lucca vem de altos e baixos
 (Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)
Enquanto avança pouco a pouco e segue otimista em relação a Willian Pottker, da Ponte Preta, o Botafogo procura mais um atacante para fechar o elenco antes da reapresentação do clube no dia 11. O alvo da vez é Lucca, do Corinthians. O Alvinegro tenta um empréstimo do jogador de 26 anos, que tem contrato com o Timão até julho de 2019.


A chance de disputar a Libertadores da América é vista com bons olhos por parte dos empresários do atacante, que também têm pressa para um desfecho e esperam uma resposta antes de terminar a semana. Mas há concorrência: a Ponte Preta e o Vitória são outros interessados no futebol do corintiano.


Em General Severiano, Lucca é visto como opção tanto para jogar pelos lados, maior carência do atual elenco de Jair Ventura, quanto para fazer a função de "falso nove". Talismã no título brasileiro do Corinthians em 2015, ele teve um 2016 de altos e baixos, sem se firmar. Na última Série A, o atacante disputou 21 jogos, marcou três gols e deu uma assistência.


NEGOCIAÇÃO POR OSVALDO ESFRIA


A busca por Lucca tem um outro motivo: Osvaldo ficou distante. De encaminhada na semana passada a praticamente descartada, o Botafogo viu a negociação com o atacante do Fluminense esfriar nos últimos dias: quem vinha cuidando das conversas era o gerente de futebol, Antônio Lopes, mas o nome encontra resistência interna de outros dirigentes. Outro fato que pesou contra é o alto salário do jogador, que recebe cerca de R$ 300 mil nas Laranjeiras e teria que reduzir mais da metade da remuneração para aceitar a proposta alvinegra.


Fonte: GE/Por Marcelo Braga e Thiago Lima São Paulo e Rio de Janeiro