quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Grata surpresa: elogiado por René, Fernandes pede passagem no Bota


Integrado ao elenco principal no início do ano, jovem, de apenas 19 anos, desponta no início da temporada e pode ganhar oportunidade entre os titulares





Os jogos contra Boavista e Volta Redonda tiveram desfechos distintos, mas também algo em comum. Nas duas primeiras rodadas do Campeonato Carioca, o Botafogo subiu de rendimento com a entrada de Fernandes no segundo tempo. Integrado ao elenco profissional com a chegada de René Simões, o jovem, de apenas 19 anos, vem sendo uma grata surpresa neste início de temporada. Com boas atuações, o jogador vem pedindo passagem entre os titulares.

O Fernandes é um belíssimo jogador. Ele vem entrando muito bem. Temos que ter cuidado com o garoto, pois não podemos jogar toda a carga em cima dele. Mas ele está respondendo muito bem.
René Simões

Assim como na vitória sobre o Boavista, Fernandes entrou no segundo tempo contra o Volta Redonda e deu uma nova dinâmica à equipe. Ele chegou a marcar um gol mal anulado pela arbitragem. René Simões prega cautela, especialmente pela jovialidade do atleta. O treinador, no entanto, reconhece que Fernandes vem correspondendo a todas as expectativas e, se mantiver o mesmo nível de atuação, dificilmente ficará fora da equipe.

- O Fernandes é um belíssimo jogador. Ele vem entrando muito bem. Temos que ter cuidado com o garoto, pois não podemos jogar toda a carga em cima dele. Mas ele está respondendo muito bem. O Fernandes está entrando e dizendo: "Pode me dar qualquer carga que eu aceito" - elogiou o treinador.

Fernandes é elogiado por René Simões após
partidas pelo Botafogo (Foto: Reprodução)
Fernandes vem ganhando espaço e pode pintar como novidade contra o Bonsucesso, no próximo sábado. Substituído no intervalo após falhar no primeiro gol do Volta Redonda, Gegê seria o escolhido para deixar a equipe, caso René decida por começar com o meia recém-integrado aos profissionais entre os titulares. Por ora, o treinador não descarta a possibilidade, mas despista sobre possíveis mudanças no time.

- Temos primeiro que discutir esse jogo contra o Volta Redonda. Essa partida ainda não acabou. Ela só vai acabar para mim quando eu me reunir com a equipe e discutir tudo o que aconteceu. Já falei para os jogadores no vestiário coisas que eles tinham que ouvir. O processo de aprendizado é esse. Primeiro vamos discutir o que aconteceu contra o Volta Redonda. Depois eu penso no próximo jogo - afirmou.

O Botafogo volta a campo no próximo sábado, às 17h, contra o Bonsucesso, pela 3ª rodada do Campeonato Carioca. A partida marcará o reencontro da torcida alvinegra com o Engenhão.

Por Marcelo Baltar Rio de Janeiro/GE