quarta-feira, 20 de maio de 2015

Figueira e Bota iniciam terceiro duelo entre os clubes pela Copa do Brasil


Polêmico em 2007 e decidido nos pênaltis seis anos depois, confronto alvinegro é revivido na competição nesta quarta-feira, às 19h30, no Orlando Scarpelli




Figueirense x Botafogo na Copa do Brasil não é novidade. Os clubes duelaram nas edições de 2007 e 2013, e o equilíbrio marcou os dois confrontos. No primeiro, porém, botafoguenses revoltaram-se com a anulação indevida de dois gols na partida que classificou o Figueira à final da competição - os catarinenses venceram por 2 a 0 em Santa Catarina e, com o gol marcado no Maracanã, avançaram apesar da derrota por 3 a 1. Seis anos depois, um resultado de 1 a 0 para cada lado e triunfo dos cariocas nos pênaltis, com grande atuação de Jefferson. Nesta quarta-feira, às 19h30, no Orlando Scarpelli, mais um capítulo do enfrentamento de alvinegros.

Pela primeira vez nesta Copa do Brasil o Figueirense fará a primeira partida dentro de seus domínios. O discurso, que não poderia deixar de ser outro, é de abrir uma boa vantagem nesta primeira partida para buscar a classificação no jogo de volta. Por outro lado, o momento alvinegro é de buscar soluções ofensivas. No último mês, foram três gols marcados em seis partidas, sendo que dois deles anotados por um zagueiro e um lateral-esquerdo – o outro foi contra na partida ante o Sport. Diante disso, a equipe deve sofrer alterações entre os titulares.

O Botafogo não viajou completo para Florianópolis. Com uma torção no pé, Sassá foi vetado. Marcelo Mattos, com dores musculares, e Daniel Carvalho, gripado, serão poupados. Os dois estão sendo preservados para a partida diante do Atlético-GO, sábado, em Brasília, pela Série B. No treino desta terça-feira, René Simões não deu pistas sobre a equipe que começará a partida no Estádio Orlando Scarpelli. É possível, portanto, que alguns titulares comecem no banco.

Orlando Scaperlli será o palco do duelo pela Copa do Brasil (Foto: Cristiano Andujar/Getty Images)

Marcelo Aparecido de Souza (SP) apita o confronto. Ele será auxiliado por Vitor Carmona Metestaine e Ricardo Pavanelli Lanutto (ambos de SP). O SporTV transmite para todo o Brasil (com Eduardo Moreno e Carlos Eduardo Lino). O GloboEsporte.com acompanha a partida em Tempo Real com vídeos exclusivos.



Figueirense: o técnico Argel ainda não conta com a estreia de nenhum dos três reforços – Carlos Alberto, Thiago Santana e Elias. Além disso, tem que poupar o zagueiro Marquinhos por conta do desgaste físico. Sem dar pistas, o treinador fechou a última atividade antes da partida. Desta maneira, o Figueirense pode ir a campo com: Alex; Leandro Silva, Thiago Heleno, Bruno Alves e Roberto Cereceda; Paulo Roberto, Fabinho e Marquinhos Pedroso; Clayton, Everaldo e Mazola.


Botafogo: Aírton, Fernandes e Elvis são os favoritos para herdarem as vagas dos titulares poupados. Luis Ricardo também pode pintar na equipe para que Gilberto seja preservado. O time provável para começar o jogo contra o Figueirense é Jefferson, Luis Ricardo (Gilberto), Renan Fonseca, Diego Giaretta, Carleto; Aírton, Willian Arão, Fernandes, Elvis, Rodrigo Pimpão e Bill.



Figueirense: Marquinhos, com dores musculares; Nirley, com lesão no tornozelo; Ferron, com problemas na coxa; França, com lesão no púbis; e Rafael Bastos, com problema no músculo da coxa direita.

Botafogo: com uma entorse no pé, Sassá foi vetado. Marcelo Mattos (dores musculares) e Daniel Carvalho (gripado) serão poupados. Voltando de lesão, Roger Carvalho também não joga. 




Figueirense: Nirley, Leandro Silva e Yago.

Botafogo: Diego Giaretta.


Por GloboEsporte.com Rio de Janeiro/GE