quinta-feira, 18 de junho de 2015

Acusado de ameaça, Bill pretende processar ex-mulher, diz advogado


De acordo com Alessandro Vale, áudio apresentado por Sabrina de Oliveira Nascimento é antigo. Ex-casal diverge sobre o valor da pensão paga aos dois filhos




Bill chegou a ter prisão decretada por não pagar pensão
 no início do ano (Foto: Fernando Soutello/AGIF/Estadão Conteúdo)
Depois do vascaíno Bernardo, o alvinegro Bill é outro jogador carioca a enfrentar problemas com a Justiça. A ex-mulher do jogador, Sabrina de Oliveira Nascimento, registrou, na Delegacia de Defesa da Mulher de Bragança Paulista, onde mora, um boletim de ocorrência por ameaça. De acordo com o jornal “Extra”, ela apresentou um áudio, enviado pelo aplicativo Whatsapp, em que Bill fala em se matar e matar Sabrina devido a desentendimentos sobre o valor da pensão dos dois filhos do ex-casal.

No entanto, segundo o advogado do atacante, Alessandro Vale, o áudio é antigo, e os dois não teriam chegado a acordo sobre a pensão em audiência realizada há cerca de 20 dias. O advogado afirma que irá processar Sabrina por falsa comunicação de crime.

- Esse áudio é antigo e a questão está prescrita. Ela será processada por falsa comunicação de crime. Houve uma audiência entre os dois há uns 20 dias e não houve acordo. O Bill entrou com pedido de redução da pensão de R$ 12 mil para R$ 4 mil, pois comprovamos que ela tem uma empresa em seu nome e trabalha. Mas mesmo com os R$ 12 mil de pensão, os dois filhos do Bill estudam em escola pública. Como pode? Ela trouxe esse caso à tona novamente para desviar o foco desse processo - diz Alessandro Vale.

Bill deve ser chamado para prestar depoimento e, caso se comprove a ocorrência do crime, o Ministério Público Estadual assume.

Em fevereiro deste ano, Bill chegou a ter a prisão decretada pela 4ª Vara Cível de Bragança Paulista (SP) por não pagamento de pensão alimentícia aos filhos. As partes, no entanto, chegaram a um acordo, e a dívida, referente a 2014, foi parcelada.

Bill paga R$ 12 mil de pensão aos filhos desde que atuava na Arábia Saudita. O valor teria sido reduzido pela metade com a volta ao Brasil, após acordo verbal. A ex-esposa, porém, seguiria cobrando os R$ 12 mil ao atacante.

Veja o conteúdo do áudio gravado pela ex-mulher de Bill:

- Eu não sei mais o que fazer. Imagina, agora vou ter que pagar pensão de R$ 20 mil para você. Você é doida? Eu vou me matar ou então vou atrás de você e vou te matar. Eu não sei mais o que fazer. Eu estou falando para você, eu vou fazer merda, ainda nessa bosta. Agora mesmo eu não vou ter mais nada a perder. Pode gravar, pode mostrar para o seu advogado - disse o jogador na gravação.

Por GloboEsporte.com Rio de Janeiro/GE