sexta-feira, 25 de março de 2016

Ricardo aprova pimenta no clássico e avisa: "Vai ser difícil intimidar Ribamar"


Técnico apoia "propaganda" para Vasco x Botafogo com provocações sadias e aposta em seu jovem atacante: "Não estou preocupado, é um garoto de muita personalidade"



Rodrigo alfinetou de um lado, Diogo Barbosa cutucou de outro, e a dupla colocou pimenta no Vasco x Botafogo neste domingo, às 16h (de Brasília), em São Januário. Ao longo da semana, o zagueiro cruz-maltino lembrou que sofreu para marcar Ribamar no primeiro duelo por conta de uma lesão no ombro, mas que agora 100% "o bicho vai pegar". Depois, o lateral-esquerdo alvinegro saiu em defesa do companheiro e respondeu o rival dizendo que "vai pegar para os dois lados". Ricardo Gomes, por sua vez, enxergou o clima criado como saudável e aprovou o que chamou de "propaganda" para o clássico. Mas o técnico deu o recado para o adversário, caso tenha sido uma tentativa de intimidar o seu jovem atacante, de apenas 18 anos.


- Não estou nem um pouco preocupado, vai ser difícil para Ribamar ser intimidado. É um garoto de muita personalidade, força... Vai ser difícil intimidá-lo. Foi boa a propaganda para o clássico, com boas palavras do Rodrigo, a resposta do Diogo também... Rivalidade acentuada, mas sem agressividade - opinou o técnico alvinegro, que não confirmou escalação para o clássico, mas antecipou que não terá surpresa apesar dos treinos fechados na quinta e sexta-feira.

Ricardo Gomes aposta em Ribamar, que ofuscou a joia Luís Henrique e virou titular aos 18 anos (Foto: André Durão)

- Nenhum segredo. Meu time vocês conhecem.


A tendência é que o Botafogo entre em campo no domingo com Jefferson, Diego, Carli, Emerson e Diogo Barbosa; Airton, Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e Gegê; Salgueiro e Ribamar. Apesar da equipe ter sofrido quatro gols de bola aérea na temporada, sendo uma no último clássico, contra o Fluminense, Ricardo Gomes negou que a jogada seja uma preocupação, apesar dos treinos específicos em cada semana. Para o técnico, o mais difícil será o palco da partida. Embora o time venha atuando com frequência em São Januário, ele vê desvantagem pela arquibancada.

Não estou nem um pouco preocupado, vai ser difícil para Ribamar ser intimidado. É um garoto de muita personalidade, força... Vai ser difícil intimidá-lo. Foi boa a propaganda para o clássico, com boas palavras do Rodrigo, a resposta do Diogo também... Tudo sem agressividade"
Ricardo Gomes, técnico do Botafogo


- O estádio representa a torcida. Qual a porcentagem do Vasco? 90%. Isso que faz a diferença, não o estádio em si. O torcedor que empurra o time. Por isso o Vasco tem essa vantagem.


Neste domingo, será a primeira vez que Ricardo Gomes voltará a ter contato com o Vasco após a homenagem feita por jogadores e torcedores no clássico do dia 28 de fevereiro. Na ocasião, o treinador alvinegro teve o nome gritado e se emocionou com as lembranças do drama pessoal que passou, quando deixou o comando do clube devido a um derrame. Às vésperas de mais um reencontro, ele enalteceu o carinho, mas avisou que nada muda em relação ao campo.


- Há quatro anos tive um acidente dirigindo o Vasco, isso não vai ser esquecido. Só posso agradecer pela homenagem, mas isso não vai ser eterno. Chego como adversário tentando vencê-los - afirmou.


O Botafogo está na segunda posição da Taça Guanabara, com quatro pontos. Neste domingo, enfrenta o Vasco, líder com seis, em São Januário às 16h (horário de Brasília). Se vencer, pode alcançar a liderança, caso o Flamengo tropece ou faça um melhor saldo de gols que o rival.


Por Thiago Lima/Rio de Janeiro/GE