quinta-feira, 3 de março de 2016

Ricardo esboça time misto; Bota deve ter Salgueiro titular pela primeira vez


Principal contratação para temporada, meia uruguaio volta a se destacar em treino e dá até assistência. Neilton faz dois gols e distribui chapéus; "Yaca" ganha vaga




Ricardo Gomes deve poupar a maioria dos titulares na última rodada da primeira fase do Campeonato Carioca contra o Boavista, às 16h (de Brasília), domingo, em São Januário. Pela equipe testada no treino desta quinta-feira, em General Severiano, apenas Jefferson e Ribamar foram mantidos. As demais posições foram preenchidas por reservas. Com isso Salgueiro deve ganhar chance de começar jogando pela primeira vez pelo Botafogo. Principal contratação do clube para a temporada, o meia uruguaio já entrou durante poucos minutos nos últimos dois jogos e vem se destacando nos treinamentos.


A escalação foi formada com Jefferson; Diego, Emerson Silva, Renan Fonseca e Jean; Fernandes, Diérson, Gervasio "Yaca" Núñez e Salgueiro; Neilton e Ribamar. O time venceu o coletivo realizado em campo reduzido por 3 a 0, com dois gols de Neilton e um de "Yaca". Salgueiro deu uma assistência. Porém, o grande destaque foi o atacante de 22 anos, que além de balançar a rede duas vezes ainda deu dois belos chapéus em Rodrigo Lindoso e Carli.

Apesar do tempo nublado, fez calor em General Severiano nesta quinta-feira (Foto: Divulgação)

Ricardo Gomes optou por não parar o treinamento em jogadas pontuais e deixou a atividade ganhar ritmo. O técnico reforçou apenas as jogadas de escanteio, em que orientava o posicionamento dos volantes.


Bruno Silva e Luis Ricardo foram novamente poupados dos treinamentos. O volante tem uma entorse no tornozelo direito e segue como dúvida para domingo. A boa notícia é que Bruno Silva já faz trabalho misto, academia e fisioterapia. Já o lateral, com dores na coxa, não preocupa para a partida contra o Boavista.


Líder do Grupo B com 19 pontos, o Botafogo está classificado e ainda invicto na competição. Entretanto, o Boavista, adversário de domingo, também tem a mesma situação: já garantido na próxima fase e ainda sem nenhuma derrota na tabela.


Por Chandy Teixeira/Rio de Janeiro/GE