domingo, 5 de junho de 2016

Ricardo lamenta queda após Carioca: "Nunca mais encontramos nosso time"


Treinador atribui o início ruim do Botafogo no Campeonato Brasileiro à falta de entrosamento com as constantes alterações na equipe e cita falta de confiança






O Botafogo terminou a sexta rodada do Campeonato Brasileiro na lanterna após só uma vitória, um empate e quadro derrotas. Sendo três delas consecutivas, a última na manhã deste domingo, ao perder por 3 a 0 para o Santos no Pacaembu (veja os melhores momentos no vídeo acima). Mais do que os resultados, o desempenho do time em campo preocupa a torcida e a comissão técnica. Depois da partida, Ricardo Gomes atribuiu o início de campanha ruim do Alvinegro à falta de entrosamento por causa das muitas mexidas forçadas na escalação - o elenco vem sofrendo com lesões e vários jogadores estão no departamento médico. Segundo o treinador, a equipe não se encontrou mais desde que terminou o Carioca.


- Foi mais falta de confiança do que o time disperso, o que houve contra o Cruzeiro. Tudo isso que a gente vem falando a cada derrota vem do número de mexidas, tem um peso. Treinamos 20 minutos ontem. Desde o Carioca, nunca mais encontramos o nosso time, a nossa defesa. E consequentemente a responsabilidade é minha. Você cobra o jogador, mas sem entrosamento há um déficit na hora do vamos ver. Aconteceu contra o Cruzeiro e agora contra o Santos. No jogo do Cruzeiro fiquei mais chateado pelo comportamento, não foi o caso de hoje.

Ricardo Gomes não gostou do que viu do Botafogo no Pacaembu (Foto: Marcos Ribolli)


O revés - combinado com a vitória do América-MG sobre o Figueirense neste domingo - deixa por ora o clube na última colocação na tabela, com quatro pontos - o time ainda pode subir posições dependendo dos demais resultados do dia. Na sétima rodada, o Alvinegro enfrente o Vitória, no próximo domingo, também às 11h (de Brasília). A partida a princípio será em Volta Redonda, mas o local só será confirmado em definitivo nesta segunda-feira.


Confira outros trechos da entrevista coletiva de Ricardo Gomes:


SITUAÇÃO NA TABELA
É muito mais a parte psicológica. Não é só olhar para a tabela, é muito mais o jogo. Temos que voltar a jogar, e jogar bem. Não estar nessa situação em 10 rodadas. Quero ver o time evoluindo. Evoluímos um pouco mais no segundo tempo, mas tivemos duas derrotas.

NEILTON
Ele foi bem recebido no Botafogo. Agora, ele entrou na Série A, não chegou nas melhores condições, teve lesão na pré-temporada. Jogador precisa estar no melhor da forma. Quando reencontrar o melhor, o futebol e a confiança vêm.

O QUE FAZER PARA MELHORAR?
São duas coisas: muita conversa e treinos. A terceira, é recuperar, no próximo jogo, dois jogadores que foram importantes no Carioca. São cinco. Recuperar alguns.

FALTA DE SORTE?
Não foi falta de sorte. Se achar que finalizou mais... O pênalti mudaria o jogo. A gente sabe disso. Mas não aconteceu. E aí... Fizemos um segundo tempo aceitável, que serve para recuperar e sair dessa situação.

PÊNALTI
Eu falei para o Neilton bater. Como eram dois jogadores que entraram no intervalo, houve essa discussão. Antes do jogo, delineamos os batedores. Temos bons jogadores para bater, como o Gegê e o Fernandes, que não estavam em campo.

HELTON LEITE OU SIDÃO?
Sidão foi contratado pela lesão do Jefferson. Vamos conversar. O Helton é um bom goleiro, e vamos conversar durante a semana. Primeira vez que ele vem como titular em um time de Série A. Isso tem um peso.

AIRTON E DIOGO BARBOSA
Treinaram ontem já. São dois reforços que foram importantes no Carioca. Vão deixar o time mais forte.

LUIS RICARDO
Luis tem lesão. Não é uma lesão grave, está bem.


FONTE: GE/Por Lucas Strabko/São Paulo