domingo, 22 de janeiro de 2017

Botafogo goleia Rio Branco-ES em amistoso, e Montillo marca na estreia


Pimpão ainda marcou duas vezes na goleada sem sustos do Alvinegro em Cariacica




Se o amistoso deste domingo era considerado um teste, o resultado final foi satisfatório para o elenco do Botafogo. Sem sustos e com amplo domínio durante toda a partida, a equipe do técnico Jair Ventura goleou o Rio Branco-ES - que pouco criou durante os 90 minutos. Do lado alvinegro, a estreia de cinco reforços: Gatito, Roger, Gilson, Jonas e Montillo. Sob grande expectativa, melhor para o meia argentino. Ele marcou o seu na vitória por 4 a 0 sobre os capixabas em Cariacica. Os outros gols foram marcados por Pimpão (duas vezes) e Sassá.


Passeio com cartão de visitas argentino


Por mais que o ritmo ainda seja de pré-temporada, o que se viu logo no começo do primeiro tempo foi um Botafogo dominando o meio campo. O primeiro gol demorou apenas oito minutos para se desenhar. Após lançamento de Montillo, Jonas cruzou na área pela direita. A bola ainda passou por Airton, que rolou para Pimpão mandar no fundo da rede. O atacante ainda marcou o segundo gol apenas quatro minutos depois, com um belo chute na entrada da área.


Sentindo a diferença técnica, o Rio Branco tentava furar a marcação alvinegra em lances individuais As tentativas de Fábio Azevedo e Felipe Linhares pararam nas mãos do novo goleiro do Botafogo, Gatito Fernandez, que respondeu bem sempre que acionado. 

Rodrigo Pimpão comemora um dos gols que marcou diante do Rio Branco-ES (Foto: Twitter oficial do Botafogo)

Montillo estreou dentro da expectativa, jogando apenas o primeiro tempo. Apesar de ainda precisar aprimorar a parte física e o ritmo de jogo, se movimentou bem e foi bastante participativo no meio de campo. Após Pimpão conseguir roubar a bola na saída do Rio Branco para o ataque, o argentino recebeu na entrada da área, avançou e chutou cruzado no fundo da rede do goleiro Jaime. Foi o terceiro do Bota antes mesmo do intervalo.


Bota muda todo time e fecha o placar com Sassá

Na volta para o segundo tempo, Jair Ventura aproveitou o amistoso para dar ritmo e testar mais jogadores. Por isso, modificou todas as peças em campo. Com o plantel em campo todo descansado, o Botafogo precisou de cinco minutos para achar o quarto gol. Após Eleutério sair jogando errado, a bola sobrou limpa para Sassá mandar no fundo da rede.


Por mais que a equipe capixaba tentasse cavar espaços no gramado do Kleber Andrade, o Botafogo controlava bem o jogo e a ótima vantagem construída. O técnico do Rio Branco também optou, na metade da segunda etapa, por testar mais peças e bem modificou o plantel - chegou inclusive a retirar e colocar o jogador Canário de campo. Mesmo assim, as melhores chances continuavam com os cariocas, como a boa cabeçada de Pachu que parou na trave. Sassá ainda teria outra chance e chegou a balançar a rede - mas estava em posição de impedimento.


O Botafogo jogou com Gatito Fernandez (Helton Leite), Jonas (Marcinho), Emerson Silva (Marcelo), Renan Fonseca (Igor Rabello) e Victor Luis (Gilson); Airton (Matheus Fernandes), Rodrigo Lindoso (Dudu Cearense, depois Fernandes), Bruno Silva (Leandrinho) e Montillo (Camilo, depois Gustavo); Rodrigo Pimpão (Pachu, depois Vinícius Tanque) e Roger (Sassá).


Fonte: GE/Por GloboEsporte.comCariacica, ES