quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Profissão herói: Pimpão decide de novo, e Botafogo bate o Olimpia: 1 a 0


Atacante marca de bicicleta, leva torcida ao delírio no Nilton Santos e deixa o Alvinegro em vantagem para a decisão da vaga. Montillo deixa o campo lesionado




O roteiro no Nilton Santos era diferente, mas o protagonista foi o mesmo: assim como no jogo contra o Colo-Colo na segunda fase da Libertadores, Rodrigo Pimpão foi o herói do Botafogo diante do Olimpia nesta quarta-feira. Sem Montillo, lesionado no início do primeiro tempo, e com muita aplicação defensiva, o Alvinegro contou com a estrela do atacante, que de bicicleta definiu o placar de 1 a 0 e garantiu a vantagem para a decisão da vaga na fase de grupos.


No ritmo da torcida, inflamada no Nilton Santos, o Botafogo começou melhor. Apostando na saída pelos lados, com presença de Camilo e Montillo, o Alvinegro, sem muita efetividade, conseguiu pressionar o adversário no campo de defesa. Aos 13 minutos o jogo mudou, muito por causa da saída do argentino, que deu lugar a João Paulo após sentir a panturrilha – lesão diferente da que quase o tirou da partida. O Olimpia aproveitou a mudança de Jair Ventura, avançou as linhas e se aproveitou das muitas faltas próximas à grande área para assustar. 

Pimpão comemora a bicicleta certeira: atacante marcou o único gol do Botafogo (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)


Coube a Rodrigo Pimpão vestir novamente a fantasia de herói e, dessa vez com um golaço, levar o torcedor ao delírio. Em jogada ensaiada – como o próprio atacante destacou na saída de campo -, Jonas cobrou lateral na grande área, a defesa bobeou, e o camisa 7, numa bicicleta sem tanta potência, deslocou Azcona para dar tranquilidade ao clube do Rio de Janeiro.


Jair Ventura foi obrigado a mexer no intervalo: Guilherme entrou no lugar do lesionado Bruno Silva. A primeira boa chance foi do Olimpia, que só não empatou porque Jonathan González, no primeiro lance no jogo, caiu sozinho na área antes de completar o lançamento. O equilíbrio tomou conta da partida, com chances para os dois lados. O Botafogo por pouco não aumentou com Roger, mas viu Helton Leite fazer importante defesa após trombada na área de Marcelo e João Paulo, que deixou Benítez livre para finalizar e parar no goleiro. Na reta final, desgastado fisicamente, a equipe da casa se fechou, levou a melhor em todas as bolas alçadas na área e segurou a vantagem.


Sem sofrer gols em casa e com a vantagem no marcador, o Botafogo decide a vaga na fase de grupos da Libertadores contra o Olimpia na quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), em Assunção. Antes, no domingo, o Alvinegro encara o Boavista, às 17h, em Saquarema, pela 5ª rodada do Campeonato Carioca.


Fonte: GE/Por GloboEsporte.comRio de Janeiro