domingo, 14 de maio de 2017

Grêmio domina o Botafogo na arena e vence com autoridade em estreia


Ramiro marcou os gols da vitória tricolor por 2 a 0, pelo Brasileiro, mas time desperdiçou muitas chances. Houve polêmica: bola desviou no braço de Luan no lance do segundo gol





O Grêmio dominou o Botafogo em sua arena neste domingo e iniciou a Série A do Brasileiro com vitória por 2 a 0, com dois de Ramiro. Houve reclamação no segundo gol: os alvinegros pediram que fosse marcado o desvio no braço de Luan, que enganou Gatito Fernandez. A arbitragem não embarcou e confirmou o gol - o replay, posteriormente, mostrou que a bola de fato tocou no braço do gremista. Polêmicas à parte, o time da casa foi melhor em quase toda a partida, com Luan e Pedro Rocha infernizando a zaga alvinegra - foram muitas as chances perdidas. A equipe de Jair Ventura não conseguiu se impor e pouco ameaçou os rivais. Os cariocas agoram voltam suas atenções para a Libertadores, enquanto o Grêmio inicia o confronto das oitavas de final da Copa do Brasil.


O Botafogo volta ao gramado em casa pelo Campeonato Brasileiro no próximo domingo, contra a Ponte Preta. Antes, porém, o clube tem compromisso importante pela Libertadores: receberá o Atlético Nacional na quinta-feira no Estádio Nilton Santos. O Grêmio, por sua vez, enfrenta na sua arena o Fluminense na quarta-feira, em jogo de ida pelas oitavas de final da Copa do Brasil. No próximo domingo, o time de Renato Gaúcho encara o Atlético-PR, pelo Brasileiro.



Ramiro, autor dos dois gols do Grêmio, disputa bola com o lateral alvinegro Victor Luís (Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio)


O jogo começou bastante truncado, com vários erros de passe no meio de campo e marcação forte. O Grêmio encaixou contra-ataques mais rápido e, aos cinco, teve boa chance no cruzamento de Luan que a zaga cortou. Depois, no escanteio, Geromel ainda fez Gatito Fernandez trabalhar. Mas a grande chance foi no minuto seguinte. João Paulo cochilou e perdeu a bola para Michel. Ele rapidamente tocou para Luan que, cara a cara com o goleiro alvinegro, desperdiçou.

Gatito novamente apareceu bem em tentativa de Pedro Rocha, aos 19.O time gaúcho insistiu com bela jogada de Barrios, com passe para Luan limpar a marcação e perder mais uma boa chance. Já no fim, o Botafogo teve uma chance com Pimpão, que mandou para fora, e em seguida o Grêmio abriu o placar. Luan tentou, Gatito pegou, o Grêmio insistiu, Marcelo tirou em cima da linha mas, na sobra, Ramiro não perdoou: 1 a 0.

O Botafogo iniciou a etapa final buscando o ataque, mas a finalização ruim de Pimpão deu origem a um bom contragolpe do Grêmio. Pedro Rocha deu belo passe para Luan limpar e bater colocado, com muito perigo. Aos quatro, Roger fez bela jogada na área do Grêmio, mas se embolou. Mas, cinco minutos depois, Ramiro arriscou o chute forte, a bola desviou no braço de Luan e enganou Gatito: 2 a 0. Os alvinegros reclamaram de pênalti no lance, mas a arbitragem confirmou o gol.

Aos 28, Leo Moura cruzou na cabeça de Luan, que livre, de frente para o gol, mandou para fora. Nove minutos depois, Ramiro teve tudo para fazer o terceiro, mas perdeu. O Botafogo chegou a assustar em um contra-ataque aos 40, quando Gilson disparou na trave de Marcelo Grohe. Foi a deixa para o Grêmio cadenciar o ritmo e administrar o resultado nos minutos finais.


FONTE: GE/Por GloboEsporte.com, Porto Alegre, RS