segunda-feira, 19 de junho de 2017

Acabou a espera: Jefferson é relacionado e fica no banco contra o Vasco


Após 13 meses afastado e duas cirurgias, goleiro é chamado para o clássico, mas Gatito começa o jogo. Leandrinho e Camilo também voltam na quarta-feira




Por Fellippe Costa, Marcelo Baltar e Thiago Lima, Rio de Janeiro


Após 13 meses, Jefferson está de volta ao futebol. O goleiro foi relacionado para o clássico contra o Vasco, nesta quarta-feira. No entanto, Gatito Fernandéz será o titular. O ídolo voltará gradualmente aos gramados e começa o jogo no banco. O Botafogo não divulga lista de relacionados, mas o GloboEsporte.com apurou que, além do camisa 1, Camilo e Leandrinho estão de volta.


Liberado pelo departamento médico há pouco mais de um mês, Jefferson vem treinando normalmente. Nas últimas semanas, ele participou de jogos-treino contra Santa Cruz-RJ e Bangu e nada sentiu. O goleiro informou à comissão técnica que já se sente bem e, por isso, foi relacionado para o clássico.


Jefferson sofreu uma lesão rara no tríceps do braço esquerdo, em 12 de maio do ano passado, contra o Juazeirense, pela Copa do Brasil. O goleiro foi operado cinco dias depois e tinha a previsão de voltar a treinar em três meses.


A cirurgia, no entanto, não cicatrizou corretamente, e o goleiro buscou uma segunda opinião com um médico particular. Foi definido que ele faria uma nova operação, o que ocorreu em novembro. Em fevereiro deste ano ele voltou a treinar em campo, com movimentos restritos. No final de maio, Jefferson foi liberado pelo departamento médico.


Camilo e Leandrinho voltam


Após três semanas, Camilo está à dispoisção de jair para o clássico contra o Vasco (Foto: Satiro Sodré/SSPress/Botafogo)


Outras duas novidades na relação para o clássico são Camilo e Leandrinho. Com dores na cervical, o camisa 10 não joga desde o empate contra o Sport, pela Copa do Brasil, há três semanas. Recuperado, ele voltou a treinar com bola na última quarta-feira.


A inatividade de Leandrinho é ainda maior. O último jogo do meio foi em abril, contra o Vasco, no Campeonato Carioca, quando voltou a sentir uma lesão muscular na coxa. A tendência é que os dois também iniciem a partida no banco e fiquem como opção para Jair Ventura no segundo tempo.


Fonte: GE/Por Fellippe Costa, Marcelo Baltar e Thiago Lima, Rio de Janeiro