sexta-feira, 21 de julho de 2017

Condenação no Chile atrasa visto, e Valencia ainda não tem data para estrear


Condenado a cumprir pena alternativa por conta de agressão a ex-mulher, reforço do Botafogo ainda não conseguiu visto de trabalho. Clube aguarda liberação nos próximos dias




Principal reforço do Botafogo na janela, Leo Valencia não tem previsão para estrear. Sem visto de trabalho, a situação do chileno ainda não foi regularizada na CBF. Um antigo problema em seu país tem atrasado o processo.


Processado por agressão a sua ex-mulher, Leo Valencia foi condenado a cumprir pena alternativa no Chile. A situação, aparentemente, já foi resolvida em seu país, mas tem atrasado a questão do visto de trabalho do jogador no Brasil. A informação foi revelada pelo Esporte Interativo.



Leo Valencia ainda não foi regularizado pelo Botafogo (Foto: Twitter oficial do Botafogo)


O Botafogo tenta fazer com que o jogador cumpra o restante da pena alternativa no Brasil. O caso está no Ministério da Justiça. Os advogados do clube já apresentaram toda a documentação e estão confiantes que a situação será resolvida nos próximos dias.


- Não conto com eles para domingo (Brenner e Valencia). A situação do Valencia é um pouco mais enrolada – disse Jair Ventura, descartando qualquer possibilidade de contar com os reforços contra o Atlético-GO.


Apesar de ter vindo do exterior, Leo Valencia chegou ao Botafogo sem vínculo com outro clube. Ele estava livre no mercado após o fim do contrato com o Palestino. Até por isso, o meia poderá ser inscrito após o fechamento da janela internacional, nesta quinta-feira.


O nome do atleta, de acordo com o Botafogo, também já consta no TMS (Transfer Matching System) da Fifa.


Fonte: GE/Por GloboEsporte.com, Rio de Janeiro