terça-feira, 18 de novembro de 2014

Patrocinador diz querer manter acordo e critica administração do Botafogo


Dono da Guaraviton afirmou que, independentemente da permanência na Série A, intenção é renovar vínculo com o clube. Ele ainda disse que crise é resultado de má gestão





Sergio Landal, Neville Proa e Ayrton Mandarino - Botafogo (Foto: Vitor Silva/ SSPress)
Neville Proa entre os diretores Sergio Landau e
Ayrton Mandarino (Foto: Vitor Silva/SSPress)
De acordo com o empresário Neville Proa, dono da Viton 44, detentora das marcas Guaraviton e Carioquinha, ambas patrocinadoras do Botafogo, a intenção é renovar o vínculo com o clube independentemente de o time ser ou não rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro. Segundo ele, as conversas para a prorrogação do contrato já se iniciaram, porém, ainda não houve um acerto. Botafoguense, Neville se disse muito chateado pela situação atual do Glorioso e não poupou críticas à administração alvinegra.

- Estamos caminhando para acertar todos os detalhes (da renovação do contrato). Não tem nada definido, o problema não é nosso, o problema está dentro do Botafogo. Estou profundamente magoado por esta série de problemas com o Botafogo, mas acredito que alguém irá levantar o clube para que ele volte a caminhar normalmente. O Botafogo é o Botafogo na Série A ou Série B, isso faz parte da má administração, este que é o grande negócio. Infelizmente, faz parte da má administração e estas consequências ocorrem em qualquer clube brasileiro - afirmou Neville, em entrevista à Rádio Brasil, nesta terça-feira.

Patrocinadora do Botafogo desde 2011, a Viton 44 iniciou o ano de 2014 com boa exposição, pois o clube estava disputando a Copa Libertadores da América. Segundo Neville Proa, há outros clubes do Rio de Janeiro interessados em ter a marca dele exposta em suas camisas - a Viton também patrocina o Flamengo. Porém, de acordo com o empresário, tudo dependerá da definição com a diretoria alvinegra.

- Não vou dizer que sim nem que não. Tem muita gente nos procurando aqui. Só temos uma negociação realizada que é com o Maracanã. Estamos aguardando. Está difícil este ano. Exclui. Está tudo muito difícil, principalmente pela situação do Botafogo - disse Neville.

A campanha frustrante do Botafogo no Campeonato Brasileiro não abala a confiança do empresário, que disse acreditar ainda na permanência do time na Série A.

- Esse é o futebol brasileiro, você está bem no início e mal no fim. O futebol brasileiro é cheio de altos e baixos. Estamos tentando modificar esta situação, aguardamos melhores dias. Acreditarei até aonde der. Se não der mais matematicamente, temos que jogar as cartas fora. Mas enquanto der, temos que torcer - disse Neville.

Além de ser patrocinador master do Botafogo, em 2014 a Viton 44 expandiu sua área de atuação. A empresa foi a patrocinadora do Campeonato Carioca, porém, segundo Neville, o contrato com a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) não será renovado. Segundo o empresário, o investimento não foi uma boa escolha devido a curta duração do Estadual. O único patrocínio para 2015 acertado pela empresa, de acordo com o mandatário, é com o Maracanã. A Viton também conversa com o Flamengo para uma possível renovação para o ano que vem.