quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Botafogo deve pedir extensão de contrato de atacante Maikon



Jogador foi prejudicado por imbróglio sobre transferências na temporada e só estreou pelo Alvinegro na derrota por 2 a 0 para o Santos, que decretou rebaixamento





Maikon - Treino do Botafogo ( Foto: Vitor Silva / SSPress.)
Atacante pode ficar no clube por mais tempo
 ( Foto: Vitor Silva / SSPress.)
O atacante Maikon, que só estreou na derrota por 2 a 0 para o Santos, ainda tem a permanência incerta para 2015. Ele foi emprestado até o fim do ano por um grupo de investidores, com o valor de parte dos direitos econômicos fixado. Sem dinheiro no momento, a diretoria do Botafogo deve pedir uma mudança de prazo e a permanência do atacante até, pelo menos, o fim do Estadual.

Caso o Botafogo adquira a maior parte dos direitos de Maikon, ele renovará por três ou quatro anos com o Glorioso, com um aumento salarial.

Após brilhar com a camisa do São José na Copa Paulista, Maikon iria para o futebol espanhol. Mas, indicado pelo diretor técnico Wilson Gottardo, que trabalhou com ele no clube do interior paulista, o atacante viu no Botafogo uma oportunidade de amadurecer e aparecer para o futebol brasileiro.

Porém, como já esteve vinculado a dois clubes brasileiros na temporada - São Bernardo e São José -, antes do Botafogo, ele aguardou uma carta da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a liberação do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para poder jogar.

Desde setembro no Glorioso, Maikon tem se destacado nos treinamentos, com muitos gols e jogadas plásticas.


Luiz Gustavo Moreira LANCENET!