sábado, 20 de dezembro de 2014

Sem dinheiro no caixa, Botafogo deve recorrer a Carlos Leite para montar elenco



Teto salarial do clube deve ser entre R$ 30 mil e R$ 40 mil e agente traria jogadores com vencimentos acima destes valores, para dar peso ao time em 2015




Carlos Eduardo Pereira - Botafogo (Foto: Luciano Belford/ SSPress)
Botafogo, do presidente Carlos Eduardo Pereira,
terá ajuda de empresário para montar time
 (Foto: Luciano Belford/ SSPress)
Em dificuldades financeiras e precisando remontar o elenco para 2015, a diretoria do Botafogo recorrerá a alguns empresários para a montagem do grupo para a disputa do Campeonato Carioca e, principalmente da Série B do Brasileiro. De acordo com apuração do LANCE!Net, dentre estes agentes, que teriam sido capitaneados pelo dirigentes alvinegros, estaria Carlos Leite, um dos mais influentes atualmente no futebol brasileiro, e que também está dando uma mãozinha ao arquirrival Vasco.

A intenção dos dirigentes alvinegros é ter um elenco com teto salarial que fique em torno de R$ 30 a 40 mil. No entanto, o empresário estaria empenhado em trabalhar para trazer alguns jogadores (veja algumas opções abaixo) com salários mais altos – seriam três ou quatro –, e que dê uma qualidade maior ao elenco.

Bem requisitado e relacionado entre dirigentes de clubes brasileiros, Carlos Leite teve participação importante nas formações de elencos de outros clubes grandes que recentemente disputaram à Série B, casos de Corinthians, em 2008, e Vasco, em 2009. Em São Januário, inclusive, o agente tem ótima relação com o atual presidente Eurico Miranda.

Por esta boa relação com o mandatário cruz-maltino, Carlos Leite também é tido como um dos responsáveis por ajudar na composição do novo grupo vascaíno, que, diferentemente do Botafogo, vai disputar a Série A do Brasileirão.

No elenco atual do Botafogo, Carlos Leite é representante do volante Marcelo Mattos. Ao todo, 17 atletas, que têm vínculo encerrando neste fim de ano, foram comunicados de que não teriam contratos renovados. Até agora, nenhum jogador foi contratado pela nova diretoria, que tomou posse no dia 26 de novembro.

LACUNAS NO ATUAL ELENCO

Defesa - Jefferson é o único experiente do setor. O Botafogo tem laterais-direitos, três zagueiros e três laterais-esquerdos, mas nenhum é experiente.

Meio-campo - Mesmo com a saída de Gabriel, sobram volantes. Atualmente são cinco. Para a criação, porém, Gegê e Cidinho (que sofre com problemas físicos) são as únicas opções.
Ataque - Sassá e Henrique voltam de empréstimo. Os contestados Murilo e Jobson também têm contrato com o clube alvinegro.

CONFIRA ALGUNS JOGADORES AGENCIADOS POR CARLOS LEITE (de acordo com o site Transfermarkt)

Bruno Collaço - O lateral-esquerdo tem contrato até o fim de 2015 com o Joinville, recém-promovido para a Série A.

Abuda - O volante, que teve passagem pelo Vasco, renovou na última semana por um ano com a Chapecoense, onde jogou no Brasileiro.

Fagner - O contrato de empréstimo com o Corinthians acaba no fim do ano e ele tem vínculo com o Wolfsburg (ALE) até 2016.

Titi - Também com passagem pelo Vasco, o zagueiro tem contrato com o Bahia até o fim de 2015. Tem moral no clube, onde é titular há muito tempo.

André Santos - O lateral-esquerdo está no FC Goa, da Índia, mas o vínculo se encerra no fim da temporada e ele ficará livre.

Ramon - No Besiktas (TUR), seria uma negociação difícil, já que teve parte dos direitos econômicos comprado recentemente.


Alexandre Braz/RADAR -  LANCENET!