quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Pimpão troca Série A para ajudar no acesso do Bota: "Fiz a escolha certa"


Atacante revela que sua vontade pesou no acerto, se diz impressionado com trabalho no clube e espera auxiliar com sua experiência na quinta vez que disputará a Série B


A boa temporada de 2014 de Rodrigo Pimpão despertou o interesse de vários clubes. Algumas propostas chegaram da elite do futebol brasileiro. Autor de 13 gols na Série B e um dos destaques do América-RN na campanha na Copa do Brasil, o atacante terminou o ano cobiçado. Mesmo assim, fechou as portas para equipes da Série A e aceitou a proposta do Botafogo, apesar do rebaixamento para a Segunda Divisão.



Apresentado oficialmente nesta quarta-feira, Rodrigo Pimpão revelou que pesou sua vontade na negociação que o levou para o Botafogo. O jogador afirmou que teve de intervir para ir para o futebol carioca e garante, com um sorriso no rosto, ter feito a escolha certa.

- Interferi para vir para o Botafogo. Eu tinha propostas de clubes da Série A, mas não me arrependo. Fiz a escolha certa. Sou muito feliz pelo carinho que recebo aqui no clube – disse Pimpão.

A Série B, aliás, não assusta Pimpão. O atacante já disputou a competição em quatro oportunidades por quatro clubes diferentes: Vasco, Paraná, América-MG, América-RN. Em 2009, ele viveu situação semelhante, em sua primeira passagem pelo futebol carioca, quando foi contratado para ajudar o Vasco a subir. Aos 27 anos, Pimpão espera usar toda sua experiência na segunda divisão do futebol brasileiro para ajudar no acesso do Botafogo.

- Tenho a experiência de ter atuado no Vasco na Série B em 2009. Quando vim coloquei isso na balança, em relação à pressão. A torcida vai estar em cima pra conseguir acesso. O Vasco tinha acabado de cair para a Série B. Éramos um grupo novo também. Espero passar um pouco dessa minha experiência. São cinco anos de Série B. É muito diferente.

Confira os principais trechos da apresentação:

Jogo-treino
Sentimos uma diferença. No primeiro jogo bate a ansiedade de mostrar o jogo. Então essa segunda partida já deixamos isso de lado e botamos o futebol para jogar. Ainda falta muito, mas vamos ganhar ritmo aos poucos.

Primeiros dias de Botafogo
Estou muito feliz e impressionado com a qualidade do trabalho e dos funcionários. Eles nos trazem conforto para fazermos um trabalho bem feito. Estou impressionado com o trabalho da comissão técnica

Parceria com Bill
Conhecia o Bill de nome. Ele é uma pessoa muito extrovertida, de grupo e tem tudo para dar certo. Eu tenho que fazer o meu trabalho, ele também, e todos tem que assumir a responsabilidade


Memórias do Campeonato Carioca
Não lembro muito do Campeonato Carioca de 20 anos atrás. Comecei a jogar com 20 anos. Até então, não levava a sério, não tive base. Comecei a acompanhar o futebol a partir daí

Amistoso
Vai ser um bom teste. A equipe do Shandong Luneng disputa a Liga Asiática. Já os enfrentei pela Champions League da Ásia, quando tive a oportunidade de marcar um gol em 2011. É uma equipe qualificada. Tem o Vagner Love, Montillo, Aloísio... Será um bom teste para o Carioca.

Por Gustavo Rotstein e Marcelo BaltarNiterói, RJ/GE