terça-feira, 19 de maio de 2015

É campeão! Vitória supera o Botafogo nos pênaltis e conquista Copa do Brasil Sub-17


Rubro-Negro baiano venceu o Glorioso em pleno Estádio Nilton Santos, com vitória no tempo normal e também nos pênaltis. Torcida alvinegra compareceu em bom número



Vitória superou o Botafogo no Niltão
(Foto: Cleber Mendes/LANCE!Press)
O Vitória conquistou o título da Copa do Brasil Sub-17, na noite desta terça-feira, ao vencer o Botafogo no tempo normal, por 3 a 1, e também nos pênaltis, por 4 a 3, no Estádio Nilton Santos. O Rubro-Negro chegou ao Rio como azarão, depois de ser derrotado no Barradão por 3 a 1. No entanto, os jovens do time baiano conquistaram um excelente resultado fora de casa e tiveram mais competência nas penalidades.

O jogo foi tenso e cheio de reviravoltas. O Vitória conseguiu tirar a vantagem do Botafogo no início do segundo tempo, quando estava vencendo por 2 a 0. Empurrado pela torcida, o Glorioso descontou para 2 a 1 e cozinhava o jogo até que, aos 41 minutos do segundo tempo, o árbitro marcou pênalti para os baianos. Eron cobrou com categoria e levou a disputa do título para os pênaltis.



O clima de apreensão ficou ainda maior no estádio e terminou com o título dos visitantes. Rickson e Zyan desperdiçaram pênaltis pelo Botafogo, enquanto somente Gabriel perdeu pelo lado do Vitória. O goleiro Jhon saiu como herói da conquista ao defender a última penalidade.

Apesar de se tratar de uma final de sub-17, o clima era de uma partida da equipe profissional. A torcida do Botafogo compareceu em bom número e apoiou os jovens do início ao fim do jogo. Somente alguns alvinegros mais críticos vaiaram a equipe após o título do Vitória.

Os baianos, por outro lado, deixaram o Estádio Nilton Santos em estado de graça. Apenas um grupo de cerca de dez torcedores do Vitória esteve presente no Niltão. Os rubro-negros festejaram muito a conquista na casa do adversário e voltam para a Bahia com o dever cumprido.

Um fato curioso é que o Botafogo terminou a competição sem vencer um jogo em casa. Por outro lado, os jovens alvinegros venceram todos as partidas longe do Rio. O Vitória manteve uma média de três gols em todas as partidas fora de casa, o que foi suficiente para levar a disputa do título da competição para os pênaltis.

O Vitória é o terceiro campeão da Copa do Brasil Sub-17. Em 2013, o título ficou com o São Paulo. No ano passado, foi a vez do Atlético-MG levantar a taça.

BOTAFOGO 1 (3) X 3 (4) VITÓRIA

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 19 de abril de 2015, terça-feira
Hora: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Alexandre Vargas de Jesus (RJ)
Cartões amarelos: Rickson, Zyan, Ion, Matheus Fernandes e Jordan (Botafogo); Hebert (Vitória)
Gols: Farinha, aos 40' do 1° tempo (0-1), Yan, aos 3' do 2° tempo (0-2), Luis Henrique, aos 8'° do segundo tempo (1-2), e Eron, aos 41' do 2° tempo (3-1).
Pênaltis: Luis Henrique, Lucas César e Jordan marcaram pelo Botafogo, enquanto Rickson e Zyan desperdiçaram. Pelo Vitória, Yan, Eron, Giovane e Cedric marcaram. Somente Gabriel desperdiçou penalidade pelo Rubro-Negro.

Botafogo: Diego, Fernando (Ezequiel), Lucas Cesar, Luca, Zyan e Jordan; Matheus Fernandes, Rickson, Wenderson (Gabriel), Mateus Jorge (Ion) e Luis Henrique. Técnico: Felipe Conceição.

Vitória: Jhon, Cedrick, Rangerson, Gabriel e Padilha (Luan); Hebert (Caíque), Geovane, Farinha e Yan; Eron e Ruan Potó (Marcelinho). Técnico: João Batista Burse.


Leia mais no LANCENET!