sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Com torres retiradas, Botafogo espera Engenhão para 45 mil em outubro


Clube saberá na próxima semana quando consórcio responsável por obras vai liberar o estádio por completo




As obras no Estádio Nilton Santos entraram em sua fase final. Nesta sexta-feira o clube divulgou imagem do local já sem as 34 torres de escoramento que tomavam conta da área da arquibancada. Assim, o Botafogo espera que em outubro volte a ter o Engenhão disponível para 45 mil pessoas, sua capacidade original.

Botafogo divulgou foto de Estádio Nilton Santos já sem as torres de escoramento (Foto: Divulgação)

A tendência é que nesta segunda-feira integrantes da diretoria do Botafogo tenham uma reunião com o consórcio que realiza as obras do estádio e, assim, tenham uma posição de quando o local será totalmente liberado pelos operários. A partir de então, o clube poderá operar o Nilton Santos com sua capacidade total até que ele seja entregue ao Comitê Olímpico Internacional para a disputa dos Jogos de 2016.


O desmonte das torres de escoramento vai servir para liberar, principalmente, o setor Oeste Superior, que normalmente fica fechado para as partidas do Botafogo. Atualmente o Engenhão opera com capacidade para cerca de 25 mil pessoas.

Por Gustavo Rotstein Rio de Janeiro/GE