terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Neilton elogia resenha com gringos e entrosamento: "Entendem rapidinho"


Após passar aperto na comunicação com Navarro, atacante comemora diálogo fácil com estrangeiros do Botafogo e brinca com rotina de exames: "Chato para caramba"




Neilton brincou com novos companheiros gringos em
 animada coletiva (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)
Os gringos ainda não deram as caras em campo, mas são a grande atração do Botafogo em 2016. O zagueiro argentino Joel Carli já se apresentou ao clube na última segunda-feira, e nesta terça foi a vez do boliviano Damián Lizio e do também argentino Gervasio Núñez se juntarem ao elenco alvinegro em General Severiano. Coube a Neilton sanar as curiosidades dos jornalistas em relação aos primeiros contatos com os novos companheiros. Escalado para a entrevista coletiva, o atacante citou como exemplo o uruguaio Navarro, que se transferiu recentemente para o futebol mexicano, para elogiar a resenha em "portunhol" e prever rápido entrosamento.


- Eles são inteligentes, entendem rapidinho nossa língua. O Navarro quando chegou foi difícil, mas depois ele começou a falar um pouco também (risos). A gente procura se entender dentro do vestiário e está recebendo bem os reforços, assim como me receberam. Estamos procurando trazer eles para o nosso lado para se sentirem tranquilos e produzirem o que ele sabem.


Por falar em entrosamento, Neilton vai ter que começar do zero a parceria no ataque após a saída de Navarro. Entre as opções disponíveis para o setor, o clube tem o jovem Luís Henrique, de 17 anos e que já formou dupla com o companheiro em 2015; Henrique Almeida, que volta de empréstimo do Coritiba, mas ainda não se apresentou ao Botafogo; e Sassá, que sofreu uma grave lesão e está no departamento médico desde o ano passado. A diretoria alvinegra busca mais um jogador para a posição no mercado, e pode ser até mais um estrangeiro. Alheio ao extracampo, Neilton garante que entrosamento não vai ser problema seja com quem for.


- Isso é tranquilo, nos treinos a gente vai sei entrosando, independentemente de quem jogar. Se o companheiro tiver com o mesmo pensamento, fica fácil. Se tiver que entrosar vai ser rapidinho.


Neilton está na bronca com os treinos físicos que usam a bola para "enganar" (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)


Ansioso para a temporada e louco para começar os treinos à vera, Neilton brincou com a rotina de exames nestes primeiros dias de 2016. Desde que se reapresentou, o atacante não deixou de ir a campo, mas as atividades têm sido físicas, com circuitos e a bola de "enganação".


- (Rotina de exames) É chato para caramba (risos). A gente vive de jogar, é louco para "relar" na bola. Mas estão colocando a bola para enganar a gente, para dar um toque e depois um pique até o outro lado e volta. Pré-temporada é assim mesmo, mas a gente fica ansioso para treino com posse de bola ou alguma coisa assim - disse o atacante, que vem trabalhando a parte física em academia desde os últimos dias de férias e está fininho, com 62kg.


- Emagreço bastante nas férias, então tenho que comer tudo que tiver direito mesmo.


Por Thiago Lima Rio de Janeiro/GE