terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

A dois passos do paraíso: Carli abusa do portunhol de olho em vaga no Bota


Adaptado ao Botafogo e encantado com Rio de Janeiro, argentino agrada na estreia, improvisa idioma em campo e busca brecha na zaga alvinegra contra a Cabofriense




O semblante fechado e a pinta de xerife ficam dentro de campo. Longe dos gramados, Joel Carli não intimida. Apesar da estatura (1,91m), o sorriso fácil escancara a simpatia. O argentino está feliz. Adaptado ao Botafogo e encantado com o Rio de Janeiro, Carli não tem do que reclamar.


- O Rio é um paraíso. Estou gostando muito. A minha família também está muito contente, e isso é o importante. Todos nos receberam muito bem. O Botafogo também nos deu tudo e nos acomodou muito bem. É um grupo lindo de se trabalhar - ressaltou o argentino.


Se as primeiras impressões do Rio de Janeiro e do Botafogo são as melhores, a recíproca é verdadeira. Foram apenas 90 minutos, mas Carli foi um dos destaques em sua estreia, na vitória por 1 a 0 sobre o Resende, no último sábado. Atuação que colocou uma pulga atrás da orelha de Ricardo Gomes, uma vez que Renan Fonseca e Emerson formam a dupla de zaga titular desde o início da temporada. 

Carli foi um dos destaques em sua estreia pelo Botafogo no último sábado (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

- O que mais gostei da estreia é que me senti bem na equipe. Entrei em uma equipe nova e me senti muito confortável com meus companheiros. Fiquei muito contente. Penso no dia a dia, em cada treinamento, fazer o melhor possível para ficar à disposição de Ricardo Gomes. Ele é quem toma as decisões. E é ele quem vai escolher o melhor para o Botafogo.


A adaptação ao Rio e ao futebol brasileiro vai bem, mas Carli ainda tropeça no português. Desde sua apresentação, em 4 de janeiro, é notória a evolução, mas o argentino admite que ainda sofre para se comunicar com os companheiros. O jeito é improvisar. 
 
Carli vem treinando bem, mas só pôde estrear contra o Resende (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)


- Vou ganhando confiança aos poucos. Gostaria de falar muito melhor, mas está indo aos pouquinhos. Em campo gosto de falar muito. Temos uma boa comunicação. Por vezes não me compreendem. Mas falo um portunhol e dá certo (risos) - brincou Carli.

O técnico Ricardo Gomes deve começar a esboçar, no treino desta quarta-feira, o Botafogo para a partida de domingo, contra a Cabofriense. A expectativa é para saber se Renan Fonseca e Emerson voltam à equipe, ou se Carli ou Emerson Silva terão nova oportunidade.


Por Marcelo Baltar/Rio de Janeiro/GE