sábado, 16 de abril de 2016

Goleiro brilha nos pênaltis, Bota vence Flu e é o campeão da Taça GB Sub-20


Tricolor devolve placar de 2 a 1 do primeiro jogo, mas Victor Hugo defende duas cobranças e se torna o herói do título Alvinegro, que garante vaga na final do Carioca




Foi uma vitória sofrida, daquelas arrancadas na unha. O bom público que foi ao Caio Martins na tarde deste sábado e encarou o forte calor para acompanhar a final da Taça Guanabara Sub-20 não sabia quem seria o vencedor da disputa até o último instante. No fim, o Botafogo comemorou o título conquistado com uma vitória por 3 a 0 nos pênaltis, após triunfo do Fluminense por 2 a 1 no tempo normal, mesmo placar construído pelo Alvinegro no jogo de ida. A conquista teve um herói em especial: o goleiro Victor Hugo, que defendeu as cobranças de Pedro e Wendel.

Presidente Carlos Eduardo Pereira entregou o troféu para a garotada alvinegra (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Os presidentes dos dois clubes marcaram presença no estádio, mas Carlos Eduardo Pereira saiu mais feliz que Peter Siemsen e entregou o troféu em campo aos garotos. Com o resultado, o Botafogo - que no profissional conta com metade do elenco prata da casa - faz bonito também na base e está automaticamente classificado para a final do Campeonato Carioca Sub-20. O Fluminense terá que vencer a Taça Rio para reencontrar o rival na decisão.


O jogo foi marcado pelo equilíbrio, e os gols da partida saíram no primeiro tempo. O Flu abriu o placar aos 16 minutos, em um lance surpreendente. O zagueiro Helerson, do Botafogo, tentou recuar para o goleiro Victor Hugo e o pegou no contrapé. A bola entrou mansamente no gol. O Botafogo chegou ao empate três minutos depois. O artilheiro Gorne recebeu na esquerda e tocou na saída do goleiro Marcos Felipe. O Tricolor fez o segundo com Marquinhos, aos 41 minutos, em belo chute de pé esquerdo que acertou o ângulo.

Victor Hugo foi o herói do título alvinegro com duas cobranças de pênalti defendidas (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

No segundo tempo, o jogo foi franco. As duas equipes criaram e perderam chances de gol. O Botafogo teve a mais clara com Lucas Campos, que bateu para grande defesa de Marcos Felipe, um dos melhores em campo. O Flu, no último lance do jogo, acertou a trave com Pedro. Nos pênaltis, tudo deu certo para o Botafogo, e nada para o Flu. Gorne, Victor Lindemberg e Buchecha converteram suas cobranças (veja a cobrança do título no vídeo acima). No Tricolor, Pedro e Wendel pararam nas mãos de Victor Hugo, e Danielzinho finalizou para fora.

Fonte: GE/Por Pedro Venâncio/Niterói, RJ