quarta-feira, 6 de abril de 2016

Sub-20: carrascos, Gorne e Lucas reencontram o Fla de olho na final


Responsável por 21 dos 43 gols do Botafogo no Carioca sub-20, dupla, que marcou nas duas vitórias sobre o rival, tenta colocar o time na decisão da Taça Guanabara






Juntos, Renan Gorne e Lucas Campos já marcaram
21 gols no Carioca sub-20 
(Foto: Fábio de Paula / Botafogo)
A dupla de ataque é a arma do Botafogo para passar pelo Flamengo e avançar à decisão da Taça Guanabara sub-20. Com a pontaria afiada, Renan Gorne e Lucas Campos vêm sendo os protagonistas de uma campanha, até o momento, irretocável.

A arma, porém, não é secreta. O Flamengo conhece bem a dupla. Renan Gorne foi o herói da vitória alvinegra por 2 a 1, no clássico da primeira fase, com um golaço. No último sábado foi a vez de Lucas Campos decidir a partida de ida das semifinais da Taça Guanabara, que terminou com o mesmo placar. Os dois jogos ocorreram na Gávea. (Confira os gols da dupla no vídeo abaixo).

- Eu, particularmente, gosto de jogar contra o Flamengo. Na base, na maioria dos jogos, joguei bem e marquei nos clássicos contra eles. Clássicos sempre têm um gosto especial. Todo mundo gosta de jogar - disse Renan Gorne.


O Botafogo entra em campo, nesta quarta, às 15h, contra o Flamengo, em Caio Martins, com pinta de favorito. Por ter realizado a melhor campanha da primeira fase e ter vencido o primeiro jogo por 2 a 1, o Botafogo pode até perder por um gol de diferença, que ainda assim avançará à decisão. A campanha na Taça Guanabara também impressiona. Invicto, o Alvinegro venceu 13 dos 16 jogos e marcou 43 gols até o momento.

- Temos a melhor campanha, o melhor ataque, a melhor defesa... O time está focado, unido, todos se conhecem e têm o mesmo objetivo, que é ser campeão. Estamos invictos e queremos manter essa pegada - ponderou Lucas Campos.


Objetivos em comum: título e subir para os profissionais

O entrosamento da dupla não se dá apenas nos gramados. A amizade é parte importante da parceria, responsável por quase 50% dos gols alvinegros no Carioca sub-20.

Campanha no Carioca sub-20

6 x 0 Bangu
2 x 0 Portuguesa
1 x 0 Macaé
6 x 1 Resende
6 x 1 Cabofriense
1 x 1 Fluminense
1 x 1 Vasco
3 x 1 Boavista
2 x 0 Volta Redonda
1 x 1 Tigres
4 x 0 Madureira
2 x 1 Flamengo
3 x 0 Bonsucesso
2 x 0 Friburguense
1 x 0 América
2 x 1 Flamengo (semifinal)


- Somos amigos. E estamos felizes com o nosso momento. Nos damos bem no dia a dia e isso ajuda dentro de campo – disse Lucas Campos, que atua mais pelas beiradas de campo, apesar do faro de gols.

- Estamos entrosados e afiados. Em todas as partidas criamos problemas para as defesas adversárias. Esperamos que esse nosso momento seja coroado com gols contra o Flamengo e consigamos a classificação para a final - desejou Renan.

Além do título da Taça Guanabara, a dupla tem outro objetivo em comum: subir, em breve, para o elenco profissional do Botafogo. Lucas Campos, por exemplo, se inspira em um amigo que há poucos meses atuava ao seu lado e hoje é titular de Ricardo Gomes.


- Sou amigo do Ribamar e mantemos contato. Torço muito por ele, e sei que ele torce por mim. Ele está muito bem na equipe profissional e espero seguir seus passos. Mas tudo tem seu tempo. Quero subir para ficar – frisou Lucas.


Renan Gorne marcou na primeira fase contra o Flamengo. Atacante quer repetir a dose nesta quarta 
(Foto: Fábio de Paula / Botafogo)


- Não tem como não pensar em subir para os profissionais. Mas mantenho os pés no chão. Sei que se não estou lá ainda, é porque falta mostrar alguma coisa. Mas quero mostrar nessa campanha que estou cada vez mais preparado. Meu objetivo é subir e ajudar o Botafogo no Brasileiro. A oportunidade pode surgir a qualquer momento. Primeiro, quero conquistar esse título invicto para o Botafogo na base. Mas estou fazendo a minha parte, e quero aproveitar a oportunidade assim que ela surgir - concluiu Renan.


Na outra semifinal, Fluminense e Vasco decidem uma vaga, nesta quarta, nas Laranjeiras. O Tricolor venceu o primeiro jogo por 1 a 0.


Por Marcelo Baltar/Rio de Janeiro/GE