domingo, 31 de julho de 2016

Ricardo expressa alívio e considera que Botafogo teve sua melhor atuação


Treinador elogia seus jogadores, vê equipe mais encorpada e planeja sequência positiva para que o Alvinegro não volte a entrar na zona de rebaixamento






Bem que Ricardo Gomes tentou conter a euforia, mas não conseguiu esconder que considerou a vitória sobre o Palmeiras a melhor atuação do Botafogo no Campeonato Brasileiro. O sentimento de felicidade se misturou ao alívio pelo fato de o time ter deixado a zona de rebaixamento. O treinador ainda reconheceu que enfrentar o então líder trouxe uma motivação a mais, porém pediu que o Alvinegro mantenha a mesma pegada, até para evitar novos sustos ao longo da competição.


Ricardo Gomes aprovou a atuação do Botafogo contra
 o Palmeiras (Foto: Vitor Silva / SSpress / Botafogo)
- Concordo (que foi a melhor atuação)... Não tenho dúvida que atendeu minhas expectativas. Primeiro tempo muito bom. No segundo sofremos um pouco pela qualidade do Palmeiras. Eles conseguiram o gol, mas conseguimos nos reposicionar e fazer o terceiro gol. No Campeonato Brasileiro você tem que ter motivação a cada rodada. Mas somos todos seres humanos, não conseguimos inventar robôs. Gosto mais do meu time com essa extrema motivação, contra o líder. Essa dinâmica não pode ser só um tempo. Com a cabeça no coletivo. Saímos de uma situação, estamos um pouco mais aliviados. Fizemos essa grande partida hoje, mas tem muita coisa para acontecer. Nós temos que estabilizar nesse patamar para continuarmos subindo. Temos que manter esse nível de atuação.


Sobraram elogios para os jogadores. Especialmente para Neilton, Camilo e Airton, os principais nomes na vitória por 3 a 1 sobre o Palmeiras. Confira abaixo os principais trechos da entrevista coletiva de Ricardo Gomes.


Neilton

- O primeiro tempo dele foi... A qualidade técnica dele não é segredo para ninguém. Ele teve uma lesão grave na pré-temporada. Demorou, demorou. Agora está pegando forma, mais tempo de jogo, consequentemente toda essa parte técnica fica bem à vista. Quando ele está solto, e a parte técnica evoluiu bastante.


Airton

- De novo a história do Airton. Agora ele está muito bem. Na quarta-feira ele poderia ter chegado até o final do jogo, mas tirei para ele ser aplaudido pela torcida. Ele está jogando futebol de gente grande. Espero que isso continue. Toda vez que o Airton está no meio, as coisas ficam mais claras. Ele clareia. Quando o Airton está em forma, é um jogador que tem que se observar em outros níveis. Ele está em forma, está jogando muito futebol e merece ser observado.

Importância da Arena

- Antes não tínhamos perspectiva. A torcida apoiou. Isso é importante para o jogador, importante para o Botafogo. Nesses dois jogos que não vamos atuar aqui, acho que dá pra passar bem. Isso vale para todos os times do Rio. Mas temos uma casa. Ganhamos hoje e ganhamos do Bragantino. A torcida gostou bastante.

Time encorpando?

- O Camilo estreou muito bem contra o Inter, caiu um pouquinho e voltou a jogar bem. O Canales já está com cara de jogador, fazendo movimentação correta. Infelizmente perdemos um bom tempo. Agora temos que continuar. Está tudo certo hoje, mas quinta tem jogo contra a Ponte Preta. Está tudo muito bonito hoje, mas ainda tem muita coisa para acontecer. Não podemos ficar entrando e saindo (da zona de rebaixamento)

Confiança

- Isso a gente vai adquirindo pelos resultados e entrosamento. Não adianta estar entrosado se ano ganha. Agora os jogadores correm menos porque sabem o posicionamento

Quem volta do departamento médico?

- Sassá não, e o Carli dificilmente não. O Pimpão pode ser e o Leandrinho também.


Fonte: GE/Por Marcelo Baltar/Rio de Janeiro