domingo, 6 de novembro de 2016

Jair elogia Roger, primeiro reforço do Bota: "Exímio finalizador". Veja gols!


Centroavante, ex-Ponte Preta, chega com status de um dos artilheiros do país no ano





O Botafogo está há dois jogos sem saber o que é balançar a rede e, coincidentemente, o primeiro reforço do clube para 2017 é um homem-gol. Trata-se de Roger, que estava na Ponte Preta e é um dos artilheiros do país em 2016. O centroavante de 31 anos é considerado experiente e com o perfil que a diretoria alvinegra busca para deixar o elenco "cascudo" para disputar a Taça Libertadores do ano que vem.


Nome que também agradou a Jair Ventura, embora o técnico evite comentar sobre o assunto contratação. Em entrevista coletiva na última sexta-feira, o comandante foi questionado sobre Roger e respondeu que sua cabeça estava apenas no Flamengo. Já no sábado, após o empate por 0 a 0 no clássico, ele enfim falou sobre o reforço e o elogiou em poucas palavras,


– Não posso falar em 2017, vou jogo a jogo. Mas é bom jogador, um exímio finalizador.

Roger comemora com a torcida da Ponte Preta um dos seus 22 gols na temporada (Foto: Fabio Leoni/ PontePress)

Roger já foi até dispensado pela Ponte Preta, onde tinha vínculo até dezembro, por ter realizado exames médicos em General Severiano e assinado um pré-contrato de um ano com o Botafogo. Ele chegará sem custos, com o clube arcando só com as luvas e o salário, para ser uma das referências e concorrente de Sassá. O atacante é o terceiro maior artilheiro do Brasil em 2016 com 22 gols – empatado com Rodrigão, do Santos, e Fred, do Atlético-MG; um atrás de Bruno Rangel, da Chapecoense, e Anselmo, do Fortaleza; e dois a menos que Robinho, do Atlético-MG.


Em entrevista recente à "Rádio Globo", o vice-presidente de futebol, Antônio Carlos Azeredo, o Cacá, disse que as saídas na barca abrirão espaço no orçamento para contratações de impacto caso o clube garanta uma vaga na Libertadores do ano que vem. Os atletas que ficarão sem vínculo em dezembro são Emerson Silva, que já tem encaminhada a renovação, Diogo Barbosa, Alemão, Geovane Maranhão, Victor Luís, Lizio, Anderson Aquino, Gervásio Nuñez, Salgueiro, Milton Raphael, Neilton, Sidão, Matheus Menezes, Paulo Ricardo e Lucas Zen.


Fonte: GE/Por Thiago Lima/Rio de Janeiro