segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Sob chuva, Botafogo começa semana com treino fechado na Arena


Pelo segundo dia seguido, imprensa não tem acesso à atividade, e Jair mantém mistério no meio de campo para a partida contra a Chapeconese




Foi debaixo de muita chuva que o Botafogo iniciou a semana, com treino na Arena da Ilha do Governador. Pelo segundo dia seguido, a imprensa não teve acesso à atividade. No domingo, em General Severiano, Jair Ventura já havia comandado um treino sem a presença de jornalistas. O treinador quer manter o mistério sobre seu meio de campo para a partida contra a Chapeconese, na quarta. 
 
Camilo e Pimpão durante o treino chuvoso na Arena Botafogo (Foto: Twitter oficial do Botafogo)

Se mantiver tudo o que trabalhou na semana passada, Diogo Barbosa voltará ao time no meio de campo, com Victor Luís sendo mantido na lateral. Com isso, Jair deve abrir mão de um dos três volantes. Rodrigo Lindoso e Bruno Silva disputam uma vaga.


- Não sei. Tem que perguntar para o Jair. Não tem nada definido. Ele treinou alguns esquemas diferentes para testar variações para qualquer eventualidade durante o jogo. O Jair ainda não nos passou o que tem em mente. Isso deve ser definido amanhã, no último treino. Comigo no meio, acho que o time fica mais ofensivo, ajudando o Camilo e o Victor, com aquela dobradinha pela esquerda – despistou Diogo Barbosa, após o treino desta segunda.


O provável Botafogo para a partida contra a Chapeconse é Sidão; Alemão, Carli, Emerson e Victor Luís; Airton, Rodrigo Lindoso (Bruno Silva), Diogo e Camilo; Neilton e Rodrigo Pimpão.


O Botafogo volta a treinar na manhã desta terça-feira, desta vez em General Severiano. Na quarta, às 19h30, o time enfrenta a Chapeconese, na Arena Botafogo. Na 5ª colocação, com 55 pontos, o Alvinegro está próximo de assegurar uma vaga na Libertadores de 2017.


Botafogo x Chapecoense

Local e data: Arena Botafogo, quarta-feira, às 19h30 (horário de Brasília)
Provável escalação: Sidão; Alemão, Carli, Emerson e Victor Luís; Airton, Rodrigo Lindoso (Bruno Silva), Diogo e Camilo; Neilton e Rodrigo Pimpão
Arbitragem: Dewson Freitas da Silva (PA) apita o jogo, auxiliado por Márcio Gleidson Correira Dias (PA) e Helcio Neves (PA)


Fonte: GE/Por Marcelo Baltar/Rio de Janeiro