terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Camilo sente adutor e deve ficar fora da partida decisiva contra o Colo-Colo


Desde sábado, meia vem sentindo músculo da coxa direita e praticamente não treinou no Chile. Em coletiva nesta terça-feira, Jair Ventura disse que iria com "força máxima"




Camilo é assediado por torcedores no embarque para
 o Chile (Foto: André Durão)
Blefe de Jair Ventura? A torcida do Botafogo está muito perto de ter uma má notícia para a partida decisiva contra o Colo-Colo, do Chile, na noite desta quarta-feira, no Estádio Monumental, em Santiago. Camilo vem sentindo dores no adutor da coxa direita e está praticamente fora do confronto, que vale uma vaga na próxima fase da Libertadores da América.


As dores começaram no treino do último sábado. Camilo foi submetido a um exame de imagem que não constatou nenhuma lesão. Porém, o meia voltou a sentir no trabalho de domingo e, mesmo assim, viajou com a delegação para o Chile.


O jogador ficou fora do primeiro treino da equipe em Santiago na tarde desta segunda-feira e praticamente não treinou com bola até agora.

Curiosamente, Jair disse durante a coletiva de imprensa após as atividades na tarde desta terça-feira que usaria força máxima contra o Colo-Colo e em nenhum momento cogitou a possibilidade de perder o meia. Sem Camilo, ele pode fechar mais o meio de campo, colocando Rodrigo Lindoso ao lado de Bruno Silva e Airton.


O Botafogo joga sua vida na Libertadores da América nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), em Santiago, no Chile. Com a vitória por 2 a 1 na primeira partida, o Alvinegro pode empatar ou até perder por um gol de diferença, desde que com placar igual ou superior a 3 a 2, que volta ao Rio de Janeiro com a classificação garantida.

Fonte: GE/Por Felippe Costa, Marcelo Baltar e Thiago Lima/Rio de Janeiro e Santiago, Chile