terça-feira, 2 de maio de 2017

Já? Por que não? 5 motivos para crer na classificação antecipada do Bota na Liberta


Com casa cheia e 100% de aproveitamento no Nilton Santos, Alvinegro enfrenta o Barcelona de Guayaquil no 50º jogo de Jair e de olho na Colômbia para garantir vaga nas oitavas de final



Nem mesmo o mais otimista torcedor do Botafogo poderia imaginar no início da temporada que, além de eliminar dois campeões da Libertadores no mata-mata da fase preliminar, o Botafogo poderia garantir a classificação antecipada às oitavas de final já na quarta rodada de um dos grupos mais difíceis da competição. Mas... Por que não? Esse cenário pode se tornar realidade nesta terça-feira. Para isso, basta que o Alvinegro vença o Barcelona de Guayaquil, do Equador, às 21h45 (de Brasília), no Nilton Santos, e o Estudiantes, da Argentina, perca na Colômbia para o atual campeão, o Atlético Nacional. O GloboEsporte.com apresenta cinco motivos para acreditar na vaga.


100% EM CASA


Botafogo venceu todas no Nilton Santos desde a Pré-Libertadores (Foto: André Durão)


Líder do Grupo 1 ao lado do próprio Barcelona de Guayaquil, com sete pontos, o Botafogo não só está invicto na fase de grupos, como tem 100% de aproveitamento em casa desde a Pré-Libertadores. Em três jogos, marcou cinco gols e sofreu dois: 2 a 1 sobre o Colo-Colo-CHI; 1 a 0 sobre o Olimpia-PAR e 2 a 1 sobre o Estudiantes-ARG. Para a quarta partida de sua história no Nilton Santos na Libertadores, mais uma vez o Alvinegro aposta na força de seu estádio.


CASA CHEIA


Nos três jogos anteriores, Botafogo deu show com mosaicos e efeitos 3D (Foto: André Durão)


O Botafogo mais uma vez terá casa cheia na Libertadores: antecipadamente, foram vendidos cerca de 30 mil ingressos até a última segunda-feira, entre check-ins de sócios e bilhetes comprados em pontos físicos ou pela internet. Com carga total de 44.661, há a expectativa de quebrar o seu próprio recorde de público, que é de 38.357 na estreia. Principalmente depois que a diretoria conseguiu liberar o Setor Sul aos alvinegros, deslocando os visitantes para camarotes na Leste.


RETROSPECTO


Sassá marcou o último gol dos três duelos contra os equatorianos (Foto: AP Photo/Dolores Ochoa)


Conta também a favor do Botafogo o fato de nunca ter perdido no confronto direto. Até hoje foram três jogos, dois amistosos e um jogo oficial, todos em Guayaquil, no Equador. Foram duas vitórias – 5 a 0 em 1963 e 2 a 1 em 1970 – e um empate – 1 a 1 em 2017. Sendo que, na última partida entre eles, o Alvinegro só não saiu de campo com o triunfo porque o goleiro equatoriano Banguera pegou tudo que tinha direito – até mesmo um pênalti de Camilo.


COMBINAÇÃO PROVÁVEL


Em casa, o Atlético Nacional terá sua revanche e o jogo da vida contra o Estudiantes (Foto: Reuters)


O Botafogo não depende só dele para se classificar nesta rodada, é verdade. Mas a combinação de que precisa não é nada improvável. O Atlético Nacional-COL precisa vencer o Estudiantes-ARG jogando em casa, diante de sua torcida e precisando desesperadamente da vitória para evitar uma eliminação precoce. Por mais que os colombianos não estejam bem como no ano passado, são os atuais campeões. O jogo em Medellín começa às 21h (de Brasília).


50º JOGO DE JAIR


Jair completará 50 jogos no comando do time e espera presente (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)


Justamente na tão almejada Libertadores que Jair Ventura vai completar seu jogo de número 50 à frente da equipe, contando as duas passagens anteriores como técnico interino da equipe, sendo um jogo em 2010 e três em 2015. Um dos grandes responsáveis pela ascensão do time, o técnico soma 61,2% de aproveitamento, com 27 vitórias, 9 empates e 13 derrotas. Para conquistar mais um triunfo de presente, ele deve ir com uma escalação mais ofensiva, com três atacantes.


BOTAFOGO X BARCELONA DE GUAYAQUIL


Provável escalação contra o Barcelona de Guayaquil tem trinca de ataque (Foto: Arte Esporte)


Local: Estádio Nilton Santos, Rio de Janeiro;
Data e horário: terça-feira, às 21h45 (horário de Brasília);

Escalação provável: Gatito; Emerson Santos, Carli, Emerson Silva e Victor Luis; Airton, João Paulo e Camilo; Guilherme, Pimpão e Sassá;
Desfalques: Jefferson, Luis Ricardo, Gustavo Bochecha, Jonas, Marcinho, Leandrinho e Montillo ainda não estão em condições de jogo, enquanto Bruno Silva está suspenso;
Arbitragem: o trio é paraguaio; Mário Diaz de Vivar apita, auxiliado por Milciades Saldivar e Carlos Cáceres;
Transmissão: O GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real com vídeos. O SporTV transmite ao vivo para todo o Brasil (com Jader Roch, Raphael Rezende e Paulinho Criciúma). A Rádio Globo 98,1 FM e 1220 AM; CBN 92,5 FM e 860 AM (com Luiz Penido, Eraldo Leite, Dé, Gustavo Henrique, Rafael Marques e Marco Vasconcelos).

Fonte: GE/Por Thiago Lima, Rio de Janeiro