segunda-feira, 17 de julho de 2017

Botafogo vence, quebra sequência do Sport e entra na zona da Libertadores


No Nilton Santos, Alvinegro derrota a equipe pernambucana por 2 a 1 e sobe para sexto. Pernambucanos vinham de quatro vitórias consecutivas





No duelo por uma vaga no G-6, o Botafogo levou a melhor sobre o Sport, venceu por 2 a 1 no Nilton Santos, e entrou na zona de classificação da Libertadores. Em jogo animado, o Alvinegro venceu com gols de Lindoso e Guilherme. O Sport, que teve a sequência de quatro vitórias interrompida, descontou com Rithely.


Com a segunda vitória consecutiva, o Botafogo deu um salto na tabela. Chegou aos 22 pontos, passou o próprio Sport e chegou à sexta colocação. O Leão pernambucano, por sua vez, caiu duas posições e agora é 8º, com 21 pontos.


Após dois jogos no Rio de Janeiro, o Botafogo terá dois jogos fora em sequência. Na quinta enfrenta o Atlético-PR, em Curitiba. Em seguida visita o Atlético-GO, em Goiânia. O Sport, por sua vez, terá duas partidas no Recife: Atético-GO (quinta) e Palmeiras (domingo).



Rodrigo Lindoso marcou no primeiro minuto de jogo (Foto: André Durão)


Muita gente que deixou para entrar em cima da hora perdeu um início de jogo animado. No primeiro minuto o Botafogo saiu na frente, em lance polêmico. Gilson cobrou falta, Carli ajeitou de cabeça, e Lindoso mandou para a rede. A bola ainda desviou em Roger, em posição irregular. A festa no Nilton Santos, no entanto, durou pouco. Aos 7, Duval chutou cruzado, Jefferson defendeu parcialmente, mas Rithely empatou. O jogo continuou empolgante. André quase virou em chute rente à trave. O Alvinegro, que perdeu Arnaldo com dores e teve a volta de Luis Ricardo após 10 meses, apostava nos contra-ataques e teve oportunidade com Pimpão e Marcos Vinícius.


O segundo tempo começou num ritmo mais cadenciado, mas nem por isso o jogo esfriou. João Paulo quase marcou no início em cobrança de falta. O Botafogo era melhor, tinha volume, mas pouca criatividade. Destaque contra o Fluminense, Marcos Vinícius teve atuação apagada. Tanto que deu lugar a Guilherme. E foi justamente o atacante que deu a vitória ao Alvinegro. Após belo passe de Roger – um dos nomes do jogo -, Guilherme chutou cruzado para marcar o segundo. O Botafogo ainda teve boas chances em cabeçada de Pimpão (defendida por Agenor) e em chute no travessão de João Paulo.

Fonte: GE/Por GloboEsporte.com, Rio de Janeiro