sábado, 29 de julho de 2017

São Paulo bate o Botafogo com virada épica e agora seca para seguir fora do Z-4


Comandado por Cueva e pelos estreantes Hernanes e Marcos Guilherme, Tricolor faz 4 a 3 na equipe carioca e fica momentaneamente em 15º lugar; Bota segue fora do G-6



Botafogo e São Paulo certamente fizeram neste sábado, no Engenhão, no Rio de Janeiro, um dos melhores jogos do Brasileirão. O duelo terminou com uma vitória épica do Tricolor, de virada, por 4 a 3, com um gol de Cueva, um de Hernanes e dois de Marcos Guilherme. O time carioca já tinha conquistado uma virada por 3 a 1 depois de ter saído perdendo, com dois gols de Marcos Vinícius e um de Guilherme. Mas o time paulista foi valente, não desistiu e conquistou o primeiro triunfo fora.


A vitória tira temporariamente o São Paulo da zona do rebaixamento. Agora com 19 pontos, o time sobe para a 15ª colocação. Esse cenário, porém, pode mudar com o complemento da rodada. Com 24 pontos, o Botafogo permanece em sétimo lugar, mas também pode perder posições.


CLIQUE AQUI E veja a tabela do Brasileirão


Na próxima rodada do Brasileirão, o Botafogo joga mais uma vez em casa. O time carioca recebe o Palmeiras na quarta-feira, às 21h45, no Engenhão. O São Paulo volta a campo apenas quinta-feira, contra o Coritiba, às 19h30, no Morumbi. Os dois jogos serão válidos pela 18ª rodada.



Hernanes dá salto mortal depois de fazer gol em sua estreia pelo São Paulo (Foto: André Durão)


O jogo


O duelo entre Botafogo e São Paulo estava morno até os 17 minutos do primeiro tempo, quando o Tricolor aproveitou vacilo da defesa do time carioca para abrir o placar. Cueva recebeu de Pratto, fez jogada individual e contou com trapalhada de João Paulo com Gatito Fernández para abrir o placar. A reação do Bota não demorou. Dois minutos depois, Marcos Vinícius chutou colocado da entrada da área e empatou. Mais tarde, aos 25, o meia arriscou de longe e contou com falha do goleiro da equipe paulista. Após a virada dos cariocas, o São Paulo tentou reagiu, mas perdeu boas chances.



Na segunda etapa, o São Paulo partiu para o ataque com todas as forças na tentativa de melhorar o resultado. Depois de muito insistir, teve pênalti polêmico de Joel Carli em Wellington Nem. Cueva bateu mal, e Gatito Fernandéz defendeu, aos 22. Um minuto depois, o Botafogo, em contra-ataque, ampliou com Guilherme, após passe de Luis Ricardo. O Tricolor não desistiu e continuou ofensivo. Até que aos 38 o estreante Marcos Guilherme diminuiu de cabeça. Hernanes, outro estreante, comandou a jogada do terceiro gol e empatou aos 41. Renascido em campo, o São Paulo conquistou a virada com golaço de Marcos Guilherme após passe de Cueva: 4 a 3.



Um dos gols do Botafogo visto por trás do gol defendido por Renan Ribeiro (Foto: André Durão)


Fonte: GE/Por GloboEsporte.com, São Paulo