quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Impasse sobre terreno é resolvido, e Bota anunciará compra de CT nos próximos dias


Irmãos Moreira Salles fazem acordo com dono da área sob posse para adquiri-la paralelamente e repassar local inteiro ao clube. Com isso, Espaço Lonier será confirmado como nova casa alvinegra






A indefinição chegou ao fim: o Espaço Lonier, em Vargem Pequena, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, será confirmado nos próximos dias como o CT do Botafogo. Já foi resolvido o impasse sobre a parte do terreno que pertencia a outro dono, o que poderia melar o negócio e fazer o clube procurar outro endereço. Os irmãos Moreira Salles, dois ilustres botafoguenses que financiarão a compra pelo Alvinegro, fizeram acordo com o proprietário e vão adquirir o local paralelamente.





Conheça o Espaço Lonier, que será o futuro CT do Botafogo


A área que estava atrasando a conclusão do negócio não é grande a ponto de inviabilizar um CT no terreno sem ela, mas ocupa justamente a região do campo principal. O local vem sendo usado há 14 anos sob posse pacífica pelos donos do Espaço Lonier, que pagam para mantê-lo. Com o imbróglio resolvido, os advogados dos Moreira Salles agora cuidam da papelada para repassar a estrutura adquirida ao clube.

+ CLIQUE AQUI e veja outras notícias do Botafogo


O Botafogo fará o anúncio assim que receber toda a documentação em seu nome. A confirmação do Espaço Lonier foi vista com bons olhos no clube, uma vez que o prazo para a aquisição de um terreno com esta finalidade iria até março do ano que vem. Mas procurar outro local com boa estrutura levaria ainda mais tempo e adiaria os planos de fazer a pré-temporada 2018 já no CT.

O SONHO DO CT PRÓPRIO DO BOTAFOGO


Botafogo assina protocolo de intenção e vota aquisição de compra de CT

Estrutura pronta, pagamento a longo prazo: Bota tenta CT em Vargem Pequena

Sonho do CT próprio vai custar ao Botafogo R$ 25 milhões em 30 anos

Conselho Deliberativo do Botafogo aprova por unanimidade compra de CT

Impasse com área do terreno atrasa definição para compra de CT do Botafogo


Investimento detalhado

A operação, aprovada em julho no Conselho Deliberativo, terá um custo total de R$ 25 milhões pagos pelos irmão alvinegros, que serão ressarcidos em um prazo de 30 anos, em 360 parcelas – corrigidas pelo IPC (Índice de Preços ao Consumidor). Do montante, R$ 20 milhões serão usados para adquirir o terreno e suas instalações, e R$ 5 milhões para fazer melhorias no local.


Em caso de inadimplência do clube, os irmãos poderão romper o contrato, restituindo tudo pago com desconto de 10%. No acerto está previsto que 20% dos jogadores da base que vierem a ser negociados serão destinados aos financiadores para amortizar a dívida. Só vale para vendas após a assinatura. Também será obrigatório a construção de uma escola no complexo.



Espaço Lonier já apresenta ótima estrutura (Foto: Site do Espaço Lonier)


Com estrutura própria, o Espaço Lonier possui 200.000 m² e já poderá ser utilizado em curto prazo. O lugar já possui um campo de grama natural, além de outros cinco society, caixa de areia e ginásio. A ideia do Botafogo é aproveitar para construir seis ou sete campos de futebol, não todos de dimensões oficiais.


A estrutura atual também oferece auditório, vestiários, restaurantes, além de um hotel com 40 quartos com capacidade de receber até 180 pessoas. As acomodações foram reformadas pelos americanos, que usaram o local na Olimpíada Rio 2016. Em janeiro, o Bangu realizou sua pré-temporada no local.



Campo oficial do Esoaço Lonier (Foto: site espaço lonier)


Fonte: GE/Por Felippe Costa, Marcelo Baltar e Thiago Lima, Rio de Janeiro