segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Gabriel entra na Justiça e pede rescisão de contrato com o Bota


Volante, revelado nas categorias de base do clube, é mais uma perda do clube para a próxima temporada



Gabriel está fora do Botafogo (Foto: Fred Huber)
O Botafogo tem mais uma grande baixa para a próxima temporada, o volante Gabriel, um dos poucos que conseguiu ter destaque na campanha do rebaixamento do time no Campeonato Brasileiro deste ano. O jogador, revelado nas categorias de base do clube, entrou em uma ação na justiça para pedir sua rescisão contratual de forma unilateral por causa dos atrasos de salário e FGTS. No Brasil, ele é apontado como alvo do Cruzeiro. A diretoria ainda não foi informada oficialmente.

O volante foi quem aparentou mais sofrimento com o rebaixamento alvinegro. Em entrevista, chegou a se emocionar lembrando das coisas que tinha conquistado na vida desde que chegou ao clube e afirmou que vestiria com honra a camisa do Botafogo na Série B.

Gabriel tinha contrato com o clube até 31 de dezembro de 2015 e a diretoria anterior já tinha este temor de o jogador entrar na justiça, tanto que em julho pagou somente a ele e a Dória os atrasados na carteira de trabalho. Mesmo que não ficasse no Alvinegro em 2015, ele era visto como forte moeda de troca para reforçar o elenco. Como o Cruzeiro tem interesse, até uma negociação envolvendo os atacantes Borges e Dagoberto foi especulada.

O atleta de 22 anos fez 123 jogos no Alvinegro e dois gols. Ele chegou em General Severiano em 2011, ainda nas categorias de base, depois de começar a carreira no Paulínia. Sua principal conquista foi o Carioca de 2013 e a vaga na Libertadores de 2014.

Por Fred Huber Rio de Janeiro