domingo, 22 de março de 2015

René Simões explica afastamento de trio: 'Para não atrasar salários'


Técnico elogiou qualidade e caráter de Airton, Dankler e Lucas Zen




Airton -Treino do Botafogo (Foto: Vitor Silva / SSPress)
Airton será devolvido ao Benfica, de Portugal
 (Foto: Vitor Silva / SSPress)
Neste sábado, o técnico René Simões falou pela primeira vez após o afastamento de Airton, Dankler e Lucas Zen, na quinta-feira. De acordo com o treinador, o fator financeiro pesou na ida do trio para o chamado "Grupo B", que trabalha à parte do elenco principal do Botafogo.

– Tudo isso está na proposta do presidente Carlos Eduardo Pereira de não atrasar salários. Para isso acontecer tem que ter responsabilidade. E inclui não poder ter um número grande de jogadores com salários tão altos como eles possuem – disse René.

O técnico elogiou os jogadores e disse que não teria como tirá-los do elenco se a avaliação fosse técnica. Apenas Jefferson e Marcelo Mattos recebem salários maiores do que o teto salarial – de R$ 50 mil – no atual elenco:

– São jogadores que não teria uma justificativa técnica ou disciplinar para tirá-los. São todos muito bons, mas temos que respeitar a linha do Botafogo. A ideia é que consigam um clube rápido. Apenas duas exceções foram abertas pelo presidente: Jefferson e Marcelo Mattos. Os outros devem se enquadrar nessa linha. Acho essa atitude legal, pois você sabe que vai recebe o salário no fim do mês.


Leia mais no LANCENET!