segunda-feira, 20 de abril de 2015

De olho na final, dupla inicia tratamento em dia de folga do Bota


Elvis e Luis Ricardo são submetidos aos cuidados de médicos no Estádio Nilton Santos. Marcelo Mattos e Bill estão em observação




Caído no gramado, Marcelo Mattos é festejado por Fernandes
após vitória sobre Fluminense (Foto: Vitor Silva/SSPress)
O dia foi de folga para o Botafogo, mas de plantão médico. O departamento concentra seus esforços para disponibilizar o maior número possível de jogadores para a primeira partida da final do Campeonato Carioca, contra o Vasco. Por isso, Elvis e Luis Ricardo estiveram em tratamento no Estádio Nilton Santos, nesta segunda-feira. Ambos se machucaram durante a vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense, no último sábado.

Ambos deixaram a partida contra o Fluminense com problemas musculares. O meia, inclusive, precisou ser substituído com menos de um minuto de partida. O lateral-direito, que entrou improvisado no meio-campo, ficou em campo até o fim do clássico contra o Fluminense. Os dois são os que mais preocupam o departamento médico.

Além de Elvis e Luis Ricardo, Bill sentiu o tornozelo e Marcelo Mattos sofreu com cãibras durante o jogo contra o Fluminense. Carleto também sentiu a coxa esquerda e Fernandes precisou ser substituído por causa de uma pancada no rosto. Mas dos quatro, o centroavante é quem vai demandar mais cuidados do Botafogo nos próximos dias.

O centroavante Tássio está recuperado de uma lesão no joelho e ficará à disposição de René Simões para o primeiro jogo contra o Vasco. Jefferson, que há 10 dias sofreu uma cirurgia no joelho direito, e Roger Carvalho, que se recupera de estiramento na coxa direita, ainda não têm precisão de retorno.




Por Gustavo Rotstein Rio de Janeiro/GE