domingo, 14 de junho de 2015

Líder em tudo! Botafogo iguala campanha histórica do Corinthians na Série B




Pedro Martins/AGIF

O início do Botafogo nesta Série B é arrasador. Após sete jogos, o time venceu seis e empatou outro, o que representa um aproveitamento de 90,5% dos pontos disputados. Além disso, o Alvinegro acumula também o posto de melhor ataque, com 13 gols marcados, e a defesa menos vazada – apenas duas vezes. Tamanha eficiência, fez o clube de General Severiano igualar a campanha histórica do Corinthians, em 2008.

Na oportunidade, os paulistas conseguiram seis vitórias e dois empates nos oito primeiros jogos. Caso vença o Boa Esporte, na próximas sexta-feira, no Engenhão, o Botafogo ultrapassará o Corinthians. Mas o recorde nas oito primeiras rodadas da Série B pertence ao Guarani, em 2009. O time de Campinas chegou aos 22 pontos após o 8º duelo da competição. Esse número poderá ser igualado pelo Alvinegro de General Severiano.

E o sucesso do Botafogo na temporada passa diretamente pelo técnico René Simões. O treinador traçou junto com a diretoria um perfil de jogadores: precisa ter "sede, fome e pressa". Como o próprio comandante diz, o Alvinegro tem se destacado na temporada porque leva muito a sério o trabalho no dia a dia.

"Temos que ficar de olho sempre, sabendo que tudo muda muito rápido. Converso muito com os jogadores. Todos eles sabem como funciona e a conversa é muito franca, com liberdade. Já falei que podemos marcar uma pelada para brincar, mas aqui não é um parque de diversão, é um chão de fábrica", disse René Simões.

O treinador, no entanto, vibra com o período de dez dias sem jogos. Para René, os jogadores já precisavam de um período de descanso e ficar junto à família. O comandante acredita que a boa fase será mantida após 'renovar as baterias'.

"Estou dando cambalhotas por esses dez dias de trabalho. Vou dar dois dias de folga para eles passarem com a família, o que faz muito bem. Será excelente para recarregar as baterias afetivas e alguns estão precisando namorar com mais calma. Vai ser ótimo", resumiu. É o que a torcida espera.


Bernardo Gentile
Do UOL, no Rio de Janeiro