domingo, 12 de julho de 2015

Sassá muda rotina para evitar novas lesões e sonha com gol para o filho


Ausente em 10 jogos este ano por problemas físicos, atacante diz que reformulou até alimentação para não voltar a se machucar: "Espero engrenar"




Sassá treinando com proteções nas coxas (Foto: André Durão)
O ano tem sido complicado paraSassá do ponto de vista físico. Sem conseguir uma sequência desde que voltou ao Botafogo no início da temporada, o atacante desfalcou a equipe em 10 jogos durante a atual temporada por conta de lesões. Já foram três problemas: dois musculares na coxa esquerda e outro no tornozelo, este o mais grave, que o afastou de cinco jogos nesta Série B.

Incomodado com os sucessivos problemas, Sassá admite que ainda não conhece a origem dos problemas. Porém, o atacante garante que mudou hábitos e tem dado atenção especial à parte física para evitar novas lesões.

- Eu tive uma sequência de lesões. Estou procurando saber o que está acontecendo. Estou melhorando minha alimentação, melhorando meu descanso, estou trabalhando mais, ainda mais focado. Espero engrenar uma sequência e conseguir fazer gols - disse Sassá.

Realmente sequência é um quesito que tem faltado na vida do atacante este ano. Depois de ter sido titular durante grande parte da passagem pelo Náutico - onde esteve emprestado no ano passado, na atual temporada, pelo Botafogo, foram apenas quatro jogos como titular. Sassá tem sido mesmo uma opção para o decorrer das partidas, o que já aconteceu 21 vezes este ano.

"Estou louco para voltar a marcar"

Além do desejo de sequência, voltar a balançar as redes, algo que ainda não aconteceu nesta Série B a última vez foi há mais de dois meses, é também uma das obsessões do atacante no momento. Agora, com um motivo especial. Sassá quer homenagear o filho Murilo, que nasceu em maio.

Lesões de Sassá em 2015

Série B
Coxa esquerda - 2 jogos fora
Tornozelo esquerdo - 5 jogos fora

Carioca
Coxa esquerda - 3 jogos fora

- Para mim está muito grande (a expectativa). Agora tem o meu filho. Estou louco para voltar a marcar para fazer uma homenagem para ele. Ainda não sei como, mas na hora vou pensar em como vai ser. Estou bem ansioso para voltar a marcar e ajudar a equipe - disse o atacante.

Aliás gol é justamente o que está faltando ao Botafogo neste momento. Apesar de ter o segundo melhor ataque da Série B, o Alvinegro não marca há dois jogos - Ceará e Bragantino. Isso, de acordo com Sassá, não tira o sono do grupo.

- Todo jogo a gente marca, aconteceu nestes dois jogos. Estamos com a cabeça tranquila, bem focados no nosso objetivo. É só uma fase, vai passar. Isso não preocupa.

Com Sassá à disposição, o Botafogo volta a campo nesta terça-feira, às 21h, para enfrentar o Figueirense, no Engenhão, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil. O primeiro jogo terminou 2 a 2, e o Alvinegro pode até empatar por 0 a 0 ou 1 a 1 que ainda sim sai com a classificação.

Por Chandy Teixeira Rio de Janeiro/GE