quarta-feira, 8 de julho de 2015

Travessão atrapalha, Luis Henrique não marca, mas passa em novo teste


Jovem atacante passa em branco contra Ceará no Castelão, porém quase faz golaço e é elogiado por René Simões: “Não dava para ele fazer muito mais do que isso”


Não foi uma atuação avassaladora, como na estreia contra o Sampaio Corrêa, mas Luis Henrique se saiu bem. Se faltaram gols contra o Ceará, o jovem foi o protagonista da melhor oportunidade do Botafogo no Castelão, com um belo arremate de fora da área. Após a partida, René Simões elogiou a exibição do garoto e criticou o fato de a bola ter chegado pouco a seu centroavante. (Veja o lance no vídeo abaixo)

- A melhor jogada do primeiro tempo foi dele. Ele saiu de um zagueiro fortíssimo, que é o Sandro. Conheço bem o Sandro, que foi meu jogador no Fluminense. Não é fácil jogar contra ele. Ele coloca muito peso nos atacantes. E o Luis Henrique conseguiu fugir dele e meteu uma linda bola na trave. Da onde eu estava, vi o gol. Aprovei a partida dele. Ele se movimentou e fugiu da marcação. O passe é que não chegou a ele, porque, se chegasse certo, ele sairia na cara do gol. Ele foi bem - elogiou o treinador do Botafogo.





 Apesar dos elogios, Luis Henrique foi substituído no segundo tempo por Sassá. O atacante cansou e caiu de rendimento na parte final da partida. A comissão técnica do Botafogo vai avaliar as condições físicas do jogador para definir se ele será titular contra o Bragantino.

- A minha avaliação sobre ele é positiva. Mas vamos ver os indicadores. Às vezes, você pensa alguma coisa e repensa quando vê o vídeo do jogo. Nesse momento, estou satisfeito com que ele fez. Não dava para ele fazer muito mais do que isso. Vamos com calma, vamos ver como ele vai estar em relação ás cãibras para o próximo jogo. Não sei se joga ou se não joga. Vamos conversar com ele e avaliar.

Luis Henrique sofreu com a marcação do Ceará no Castelão (Foto: Kiko Silva/Agência Diário)
O Botafogo treinou na manhã desta quarta-feira no CT do Fortaleza e embarcou à tarde para São Paulo. O time ficará em Atibaia até a partida de sexta-feira, contra o Bragantino, às 21h50, em Bragança Paulista.

Por Marcelo BaltarFortaleza/GE