quarta-feira, 8 de julho de 2015

Botafogo não passa do empate sem gols com o Ceará


Jefferson ainda salva o time carioca, com ótimas defesas, e Lulinha perde gol incrível no fim


Jefferson espalma a bola na partida entre Ceará e Botafogo - Terceiro / Agência O Globo

Num jogo em que Jefferson brilhou intensamente no fim e Lulinha perdeu um gol inacreditável, o Botafogo empatou na noite desta terça-feira em 0 a 0 com o Ceará, no Castelão. O time de René Simões chegou a 24 pontos e manteve a liderança isolada da Série B. Sexta-feira, o time enfrenta o Bragantino, na casa do adversário.

TABELA: Confira os jogos e classificação da Série B

Na noite desta terça-feira, contra o Ceará, no Castelão, o Botafogo entrou em campo sabendo que mesmo com uma derrota permaneceria como líder isolado. Talvez isso explique a apatia, quase indolência, que tomou conta da equipe e boa parte da primeira etapa do jogo.

Com um meio-campo vulnerável, em que Tomas Bastos e Daniel Carvalho não marcavam ninguém, o Botafogo foi imprensado pelo Ceará, que só não abriu o marcador por completa falta de categoria de seus jogadores.

Isolado na frente, o garoto Luís Henrique sofria com a inoperância ofensiva do meio-campo e, também, com as seguidas faltas cometidas pelo zagueiro Sandro. Na única chance real que teve, mostrou que a atuação de gala que tivera em sua estreia — marcou dois gols na goleada de 5 a 0 sobre o Sampaio Corrêa — não foi um fato isolado.

Aos 38 minutos, ele se livrou da marcação e chutou de curva, da entrada da área. A bola estourou no travessão. Foi a única chance real do Botafogo nos primeiros 45 minutos.

Apesar da má atuação da equipe na primeira etapa, René Simões não mexeu na equipe. E o Botafogo continuou muito mal no jogo, principalmente Pimpão, que vem sendo um dos destaques do time.

A paciência de René Simões terminou e entraram Gegê e Sassá para as saídas de Daniel Carvalho e Luís Henrique. Não mudou muita coisa. No fim, Jefferson fez duas defesas espetaculares, a principal delas numa cabeçada no contrapé de Fabinho. E ainda teve tempo para Lulinha perder um gol incrível após grande jogada de Luís Ricardo. Sozinho na pequena área, atacante chutou rasteiro e Victor Luis tirou em cima da linha.

CEARÁ 0 X 0 BOTAFOGO

Local: Castelão (CE), Fortaleza (CE)

Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)

Auxiliares: Marcos Welb Rocha de Amorim (BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)

Cartões amarelos: Rodrigo Pimpão, Daniel Carvalho e Sassá (Botafogo); Roger Gaúcho

CEARÁ: Tiago Campagnaro; Roniery, Sandro, Gilvan e Victor Luís; Sandro Manoel, Ricardinho, Baraka e Wescley (Roger Gaúcho, aos 24'/2°T); Fabinho e Rafael Costa (Rodrigo Silva, aos 17'/2°T) - Técnico: Geninho.

BOTAFOGO: Jefferson; Luis Ricardo, Renan Fonseca, Roger Carvalho e Carleto; Diego Giaretta, Willian Arão, Tomas (Lulinha, aos 40'/2°T) e Daniel Carvalho (Gegê, aos 22'/2°T); Rodrigo Pimpão e Luis Henrique (Sassá, aos 30'/2°T) - Técnico: René Simões.


POR O GLOBO