domingo, 16 de agosto de 2015

Cruzeiro monitora situação do volante Willian Arão, do Botafogo, e agente admite interesse


Conforme apurou o Superesportes, Gilvan avalia contratação do atleta paulista



Tiago Mattar /Superesportes


Depois de apresentar o argentino Ariel Cabral, o Cruzeiro estuda a contratação de outro nome para compor o meio-campo. Trata-se de Willian Arão, de 23 anos, volante do Botafogo e com passagens pelas categorias de base de São Paulo e Corinthians. Conforme apurou o Superesportes, o presidente Gilvan de Pinho Tavares discute com Isaías Tinoco e comissão técnica a possibilidade de contar com o jogador ainda em 2015. O empresário do jovem, Flávio Trivella, admitiu sondagem do clube celeste.

"Tem interesse de outros clubes da Série A, mas o Cruzeiro é um clube que, realmente, gosta do jogador. Já deixou isso claro para gente. Mas o Willian tem contrato com o Botafogo (até o fim da Série B do Brasileiro), que quer ele para subir para a primeira divisão", disse Trivella, em breve contato com a reportagem.

Arão chegou ao Botafogo em janeiro, emprestado pelo Corinthians, então dono de seus direitos econômicos. Antes, o volante havia sido cedido para Portuguesa, Chapecoense e Atlético Goianiense. Com a camisa do alvinegro carioca, em 2015, o volante vive seu melhor momento. Ele já disputou 40 jogos, sendo 19 pelo Campeonato Carioca, 4 pela Copa do Brasil e 17 pela Série B do Campeonato Brasileiro. São 21 vitórias, 11 empates e 8 derrotas.

Pelo Botafogo, Arão marcou quatro gols. Volante de origem, o jogador recebeu seis cartões amarelos desde o início da temporada e foi expulso em duas ocasiões, pela Série B. A primeira em duelo diante do Paraná, válido pela 5ª rodada, e a segunda contra o Bragantino, em partida da 12ª rodada.

Se contratado, Willian Arão encontrará concorrência pesada no Cruzeiro. Além de Cabral, que sequer estreou, o técnico Vanderlei Luxemburgo tem à disposição Willians, Henrique, Willian Farias, Charles, Eurico e Bruno Edgar. Os dois últimos, grandes promessas das categorias de base do clube e que não têm ganhado oportunidade com o treinador celeste.

Recentemente, o Botafogo acusou o Cruzeiro de aliciar o jovem lateral Gilberto, que acabou se transferindo para a Fiorentina, da Itália. Em nota, o clube alvinegro lamentou e repudiou a suposta atitude celeste, que negou, na época, qualquer interesse na contratação do jogador.

No currículo, Arão tem conquistas importantes pelo Corinthians. Ele fez parte do grupo que venceu a Copa Libertadores e o Mundial de Clubes da Fifa, em 2012. Além disso, levantou o caneco do Campeonato Paulista, em 2013, e Recopa Sul-Americana, em 2013.