sábado, 19 de setembro de 2015

Jefferson faz milagres, e Botafogo vence o Boa Esporte em Varginha


Goleiro alvinegro teve destaque na partida, em que o Glorioso jogou muito mal, mas venceu com gol de Fernandes. Resultado mantém o clube carioca na liderança isolada da Série B





O Botafogo mais uma vez não jogou bem. Só que venceu o Boa Esporte por 1 a 0. E no atual momento da Série B do Campeonato Brasileiro, somar três pontos é o que importa. Na noite desta sexta-feira, no duelo válido pela 27ª rodada, em Varginha (MG), Fernandes fez o gol salvador dos alvinegros, líder isolado da competição, com 52 pontos. O resultado passou pelas mãos de Jefferson, que realizou pelo menos três grandes defesas durante o jogo.

A equipe mineira, por sua vez, se afundou ainda mais na zona de rebaixamento, com 23 pontos, e vê a Série C cada dia mais próxima. O Macaé, que ainda joga na rodada, é o primeiro time fora da ‘turma da degola’, com 30.

O primeiro tempo do Botafogo já indicava que a noite seria de sofrimento. Ricardo Gomes mexeu na equipe em relação ao jogo com o Oeste, na última rodada, mas os 45 minutos iniciais do Alvinegro deixaram e muito a desejar.

É bem verdade que o time foi para o intervalo vencendo por 1 a 0, gol de Fernandes, aos 24 minutos, mas a vantagem dos cariocas teve um responsável: Jefferson. O goleiro da Seleção Brasileira, convocado por Dunga para as partida contra Chile e Venezuela, pelas Eliminatórias, fez pelo menos três ótimas intervenções.

Botafogo não joga bem, mas vence partida em Varginha (Foto: Pakito Varginha/Futura Press)

Ricardo Gomes percebeu que algo era preciso fazer para o Botafogo não tomar sufoco do Boa. O treinador sacou Lulinha, figura apagada, e colocou Luis Henrique.O time até segurou o ímpeto dos mineiros, mas seguiu apresentando um futebol muito ruim. Tanto que com 15 minutos do segundo tempo, Ricardo Gomes fez nova alteração: Elvis no lugar de Daniel Carvalho. A partir dos 25 minutos, entretanto, o Boa despertou outra vez na partida e Jefferson estava lá para garantir o triunfo do Glorioso da Estrela Solitária.

O treinador do Botafogo ainda tirou Serginho e colocou Camacho para dar um pouco mais de qualidade ao meio de campo. O jogo estava controlado, mas em função da vantagem mínima, o Boa poderia chegar ao empate. Por sorte dos cariocas, ele não aconteceu.

FICHA TÉCNICA
BOA 0 X 1 BOTAFOGO


Local: Dilzon Melo, em Varginha (MG)
Data-Hora: 18/9/2015 - 21h30
Árbitro: Rodrigo Alonso Ferreira (SC)
Auxiliares: Nadine Schramm (SC) e Vanderson Zanotti (ES)
Público/renda: 3.376 pagantes / R$ 46.005,00
Cartões amarelos: Claytinho e Gabriel Dias (BOA); Roger Carvalho e Fernandes (BOT)
Cartões vermelhos: -

GOLS: Fernandes (24'/1ºT)

BOA: Douglas, Wendel (Claytinho, 13'/2ºT), Patrick, Everton Sena e Léo Baiano; Gabriel Dias, Moacir, Bruno Felipe e Chapinha (Clebson, 24'/2ºT); Wilson Júnior e Tadeu (Erick Luis, 24'/2ºT) - Técnico: Nedo Xavier.

BOTAFOGO: Jefferson, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Roger Carvalho e Diego Giaretta; Serginho (Camacho, 33'/2ºT), Fernandes, Willian Arão e Daniel Carvalho (Elvis, 15'/2ºT); Lulinha (Luis Henrique, intervalo) e Sassá - Técnico: Ricardo Gomes.


Leia mais no LANCENET!