quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Navarro se orgulha de comparações a Loco, mas quer fazer "própria história"


Jogador vem sendo comparado a ídolo do Alvinegro após bom começo no clube. Já são cinco gols em seis partidas, contando com os três marcados na última rodada


Navarro marcou três gols contra o Atlético-GO
 nesta terça-feira (Foto: Gustavo
Rotstein / GloboEsporte.com)

Com os três gols marcados contra o Atlético-GO, na última terça-feira, Navarro chegou a uma marca importante no Botafogo. O atacante balançou as redes cinco vezes em seis jogos. E ele mesmo é quem faz um adendo, apontando que jogou apenas cinco minutos em uma dessas partidas. Os números, aliados ao fato de o camisa 9 ser uruguaio e bom no jogo aéreo, gera na torcida grande expectativa quanto a seu futuro, além de comparações com outro centroavante que fez história no Alvinegro: Loco Abreu.


Apesar do orgulho de ser comparado a um atleta do calibre de "El Loco", Navarro acha importante seguir seu próprio caminho no clube carioca.


- O Loco fez coisas boas aqui no Botafogo e fico orgulhoso com as comparações. Tomara que um dia eu possa chegar perto do que ele fez no clube, mas também tenho que fazer as coisas por mim mesmo, fazer minha própria história. Eu sigo nessa luta - disse, em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira.


Ao fim da partida, Navarro tentou levar para casa a bola do jogo, mas não conseguiu. Situação diferente de quando fez três gols na época de Defensor, do Uruguai. O jogador vê importância nesse tipo de marca, mas para a conta pessoal. Segundo ele, o fato mais relevante da partida foi a boa atuação da equipe e a conquista da liderança do campeonato.


O Botafogo passou pelo Atlético-GO, na última terça, no Engenhão, com sobras: 4 a 0. O resultado deu fim ao jejum de vitórias que já durava dois jogos na competição. A equipe foi derrotada por Paysandu e CRB em sequência, saindo da ponta da tabela no processo. Navarro ficou fora do primeiro desses jogos.


- Lamentei muito não ter jogado contra o Paysandu. Estava num bom momento, mas tive uma lesão. Felizmente voltei logo, e marcar gols faz o atleta ganhar confiança. Ontem me senti bem e fiquei feliz por fazer os gols -falou.


Com 39 pontos, o Botafogo é líder da segunda divisão do Campeonato Brasileiro. No sábado, enfrenta o Vitória, que ocupa o segundo lugar, em Salvador, no Barradão. A equipe terá três desfalques na partida. Daniel Carvalho, Neilton e Carleto, lesionados, não irão a campo. Elvis, também com dores, ainda é dúvida.


Por Gustavo Rotstein e João da Mata*Rio de Janeiro/GE
*Estagiário, sob supervisão de Gustavo Rotstein.