sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Loco inaugura novo muro em General Severiano e ouve gritos de "volta"


Atleta recebe homenagem, na noite desta sexta-feira, em frente à sede do clube




Link permanente da imagem incorporada



Foi dia de Loco Abreu em General Severiano. Nesta sexta-feira, o ex-atacante uruguaio e ídolo da torcida do Botafogo participou da pré-inauguração do reformado muro dos ídolos em frente à sede do clube. Abreu assinou seu nome abaixo de sua caricatura na famosa parede, localizada junto ao Canecão, no bairro de Botafogo, e ouviu os gritos de "volta" da torcida.


- Uh, terror, Loco Abreu é pichador - gritavam os alvinegros, enquanto o atacante assinava o muro.


Indagado sobre os pedidos da torcida para retornar ao Botafogo, Loco Abreu, de 39 anos, foi bem claro quanto ao seu desejo.


- Eu também peço muito a minha volta (risos). Mas não depende de mim. Tem gente que manda e decide o elenco para o ano que vem. Por mim, eu já estava treinando - brincou Loco.

Neste sábado, antes da partida do Alvinegro contra o Santa Cruz, no Nilton Santos, Loco será mais uma vez homenageado. O ex-atleta irá até o meio da torcida "Loucos pelo Botafogo", que organizou toda reforma do muro e da praça do Manequinho, com ajuda financeira da prefeitura e de sócios do clube, e puxará uma música em ritmo escolhido por ele.


- Para mim é uma honra ficar ao lado de tantos craques. Craques importantes não só para o Botafogo, mas para o Brasil. Mas o mais importante é que o nosso Fogão está de volta à Série A, como tem que ser. E amanhã vamos comemorar o título, se Deus quiser - disse Loco, logo na chegada.


O atacante, que jogou no Botafogo entre 2010 e 2012, garantiu não ter se surpreendido com o carinho da torcida.


- Para mim não é surpresa. Nunca deixaram de apoiar. Os caras sempre estão presentes, e isso é essencial.

A inauguração oficial acontecerá no dia 22 de novembro. Neste dia, tanto o novo muro dos ídolos como as reformas na praça do Manequinho serão apresentadas em sua totalidade. A "pré-estreia" foi adiantada após o jogador ficar sabendo da homenagem que receberia no muro e ter demonstrado desejo de estar presente.

Link permanente da imagem incorporada

Loco Abreu seria o último ídolo a ser retratado no desenho, que foi inaugurado em 2008. As reformas começaram no mês passado, sete anos depois, passando pela mão do artista Tadeunak. Após conversas entre membros da torcida, no entanto, ficou decidido que Seedorf também receberá a homenagem.

O evento estava previsto para começar às 18h. No entanto, devido ao trânsito do Rio de Janeiro, o uruguaio atrasou quase duas horas. Na chegada, o jogador foi recebido com festa por mais de 100 torcedores presentes em frente à sede de General Severiano, que entoavam cantos famosos da torcida desde as 16h. Loco foi até o muro, assinou embaixo do seu desenho.


Por João da Mata e Pedro Veríssimo Rio de Janeiro/GE