quinta-feira, 31 de março de 2016

Jefferson fala em dar a vida contra o Fla e minimiza reencontro com Arão


Goleiro revela ansiedade do elenco alvinegro para o clássico e elogia volante, hoje destaque do adversário de sábado: “Nos ajudou muito no ano passado”




Após 13 meses, Botafogo e Flamengo voltam a se encontrar dentro de campo. O último duelo entre as duas equipes aconteceu em março do ano passado. Até por isso, a ansiedade em General Severiano é grande. Jogador mais experiente do elenco, com vários clássicos na bagagem e um título (Carioca de 2010) sobre o rival no currículo, Jefferson resumiu o sentimento dos alvinegros a 48 horas da partida.

- Jogo contra o Flamengo é sempre um jogo decisivo. Sabemos da rivalidade entre os clubes, entre os torcedores. Vamos entrar em campo com raça e disposição. Respeitamos o Flamengo, mas precisamos vencer. É muito importante para nós vencer. Vai nos dar um gás para a sequência do campeonato. É sempre um jogo muito bom de se jogar. É um jogo que não precisa de preleção. Foi, inclusive, tema da preleção do Ricardo Gomes contra o Volta Redonda. Temos que dar a vida dentro de campo. Já podemos ver isso nos olhos dos jogadores. Todos estão ansiosos para entrar em campo – disse o capitão do Botafogo.


Jefferson durante a coletiva do Botafogo nesta
quinta-feira (Foto: Divulgação/Botafogo)
A partida também marcará o reencontro do Botafogo com Willian Arão. Um dos protagonistas do time em 2015, o volante acertou com o Flamengo após litígio judicial com o Alvinegro.

- É claro que a rivalidade sempre existe. Mas nosso jogo não é contra o Arão. É contra o Flamengo. Respeitamos o Arão, é um grande jogador, nos ajudou muito no ano passado. Muitos jogadores aqui são amigos íntimos do Arão. E isso é legal. Mas em campo é claro que vamos defender o nosso, e ele, o dele – ponderou Jefferson.

Além de Willian Arão, outro rubro-negro foi tema na entrevista coletiva de Jefferson. O goleiro elogiou as qualidades de Guerrero, mas prevê que o Peruano não terá vida fácil em Juiz de Fora.

- Temos que ser guerreiros dentro de campo. Temos que defender o nosso com unhas e dentes, mas com lealdade. Dividida tem que existir. Dentro de campo cada um pensa no seu. Temos bons aqui também. Vai ser um grande jogo.

Experiente, Jefferson rechaçou qualquer tipo de favoritismo do Botafogo, uma vez que o Alvinegro vive um momento melhor do que o Flamengo no Campeonato Carioca.

- De forma alguma. Não vamos cair nessa armadilha. Clássico é clássico. A equipe do Flamengo é muito forte. As duas equipes têm condições de vencer. Vamos respeita-los. É claro que estamos confiantes, mas tudo pode acontecer.
Estamos preparados para enfrentar uma grande equipe.

Botafogo e Flamengo se enfrentam sábado, às 16h, em Juiz de Fora. O Alvinegro treina na manhã desta sexta-feira em General Severiano e depois segue para a cidade mineira.


Por Marcelo Baltar/Rio de Janeiro/GE