terça-feira, 17 de maio de 2016

Helton não vê falhas e avisa: "Dois lances não definirão minha carreira"


Goleiro vai assumir a titularidade no gol do Botafogo durante o período de recuperação de Jefferson. Por conta de lesão, capitão deve ficar três meses sem jogar





Helton Leite mostra confiança em ser o substituto de
 Jefferson no Bota (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)
A missão é complicada e a pressão é enorme, mas o goleiro reserva do Botafogo exala segurança. Em sua primeira entrevista coletiva como titular, nesta terça-feira, Helton Leite disse estar pronto para o desafio. Alvo de algumas críticas, após os gols sofridos nos últimos dois jogos, o substituto de Jefferson não parece ligar para os comentários alheios.


- Primeiro, eu não vejo como falha. Falha é quando você toma gol em um lance fácil. Sei do meu potencial e da minha capacidade. Foram lances complicados. Sei que tenho capacidade para defender aquelas bolas. Na Copa do Brasil eu não vi a bola. Infelizmente não consegui tirar a bola. Contra o São Paulo, uma bola por cima da barreira, um lance de dificuldade, mas não consegui chegar com potência na bola. Infelizmente, na minha posição, se não foi 100%, sai o gol. Mas sei que todas às vezes que pude jogar representei bem. Não são um ou dois lances que vão definir quem eu sou como goleiro ou vão definir a minha carreira – disse o goleiro, referindo-se aos gols sofridos contra Juazeirense e São Paulo.


Há dois anos e meio vestindo a camisa Alvinegra, Helton Leite teve poucas oportunidades como titular. Com a lesão de Jefferson, que deve desfalcar o elenco por pelo menos três meses, o goleiro finalmente terá oportunidade de dar sequência no trabalho em campo.


- Sequência é importante, mas não é uma desculpa para justificar essas coisas que aconteceram. (...) Pode acontecer, uma infelicidade. Mas estive bem em todas as outras bolas da partida. A sequência é importante, necessária e estou ansioso com esse desafio que vem pela frente. Em dois anos e meio que estou aqui, tive sequências de dois jogos, às vezes três, um. Muito pouco. Mas quando você tem confiança, você acaba minimizando seus erros. Vejo como uma maneira super positiva. Me sinto extremamente preparado. Sinto que tenho o apoio de todos no grupo.


O Botafogo treinou nesta terça-feira em General Severiano, e o técnico Ricardo Gomes ainda não deu pistas do time que irá a campo contra o Juazeirense. A vitória por 2 a 1 no primeiro jogo da segunda fase da Copa do Brasil, não eliminou o jogo de volta. Na partida desta quinta-feira, em Los Larios, uma vitória simples garante a classificação do Alvinegro.


Fonte: GE/Por Gabriela Pantaleão e Marcelo Baltar/Rio de Janeiro