domingo, 26 de junho de 2016

Ricardo exalta vitória mas afirma: "Deveríamos ter matado o jogo"



Botafogo venceu o Internacional por 3 a 2 e conquistou o primeiro triunfo fora de casa. Comandante prevê um crescimento do Glorioso com a volta de lesionados



Na melhor apresentação do Botafogo no Campeonato Brasileiro, o Glorioso venceu o Internacional por 3 a 2 em pleno Beira-Rio. E ainda de quebra extinguiu o fantasma do ataque pouco eficiente que rondava General Severiano por algumas rodadas. Os três gols no Rio Grande do Sul e a vitória fora de casa foram tema da entrevista coletiva do treinador da equipe, Ricardo Gomes.


- Nós tivemos jogando bem, Figueirense no ultimo jogo, números são avassaladores. Não passamos 0 a 0. Hoje foi diferente, conseguimos boa vantagem, o time estava bem organizado, com o Inter pressionado. No segundo tempo mudou, inverteu, jogo ficou mais aéreo e nós nos contra-ataques. Deveríamos ter matado o jogo. Tenho que trabalhar isso. 


Luis Ricardo deu passe para o gol de Fernandes (Foto: Ricardo Duarte/Divulgação Inter)


Ricardo também afirmou que jogar no contra-ataque é uma coisa nova para a equipe, que chegou aos 12 pontos. Com os muitos espaços dados pela defesa do Colorado, o Botafogo não conseguiu fazer o quarto gol, apesar de ter um jogador a mais desde o final do primeiro tempo.


- É verdade que não temos costume de jogar no contra-ataque, mas aconteceu. Tivemos muitos espaços, mas aproveitamos mal, Fora isso, muito contente com a vitória. Estávamos precisando. Estamos recuperando jogadores, consequentemente time vai crescer.


Confira as outras respostas de Ricardo Gomes durante a coletiva:
Gols perdidos
É a mesma coisa quando o cara está sozinho e erra o passe. O principal é o gol, queremos ver muitos gols. Hoje perdemos várias oportunidades, mas são jogadores jovens. Estamos colocando eles muito cedo nessa luta, nessa pressão, e isso tem um preço a pagar. São jovens, independentemente de ser Inter, Grêmio, Botafogo... São grandes clubes, mas quando os jogadores prontos saem do Brasil ficamos com os jovens. Eles oscilam no passe, finalização... Tem que ter paciência.

Estreia de Camilo
Primeiro jogo, ótima estreia. Mas temos vários jogadores voltando de contusão, além do Camilo, do Pimpão que espero no próximo jogo, o time vai ficar mais forte. Gostei muito do Camilo, mas vamos segurar para não secar. Tem que ter cuidado com a secação. Vamos trabalhar bastante, recuperar, não esperava tanto, mas ele se doou. A qualidade dele nós conhecíamos, não está ainda no melhor da parte física, isso vai acontecer de dois a três jogos.


Lances em que os jogadores foram fominhas
Essa experiência não tem jeito, vamos mostrar vídeo, treinamentos... É um jogo coletivo até o final. Temos um jogo coletivo até o ultimo terço do jogo. Alguém citou o caso do Luan (do Grêmio), não era nessa partida. Colocamos esses garotos muito cedo na pressão. Consequentemente vai ter retorno, mas um pouco mais tarde.

Evolução do time
Estou recuperando jogadores lesionados, tem os contratados ainda, isso tem um peso. Estou falando de quase 30% do time. Time está ganhando experiência e não vamos descartar os jovens, mas vamos tirar esse peso deles, essa responsabilidade de decidir.


Expectativa pela Arena BotafogoÉ o mais importante. Sem uma casa não tem nenhum caso de campanha de sucesso. Futebol profissional precisa do público, sem ele não estaríamos aqui. O público do Inter eu conheço bem, apoia o tempo todo. Vai ser assim com o Botafogo também.

Reclamação do Internacional contra a arbitragemNão posso concordar. Ele (Fabinho) teve uma falta dura e logo em seguida tomou um vermelho. Aí faltou experiência ao rapaz. A arbitragem foi... Isso não é de agora, vai ter sempre discussão, ainda bem que é assim. Eu, claro, vou reclamar quando vai ser contra o Botafogo. Mas a intensidade do jogo mudou, e está difícil para o juiz também acompanhar todas as ações e decidir bem. O ritmo está muito diferente.

Projeção do Botafogo no Brasileiro
Projeção só depois da primeira metade da tabela. A nossa é jogo a jogo. A projeção é sair da zona de desconforto.

AirtonPreocupa. O Airton (sentiu dores na coxa esquerda) vocês acompanham o nosso dia a dia, no Carioca perdemos ele e baixou o nosso meio de campo. E o futebol é baseado no meio de campo, e ele é a cabeça pensante no nosso.

Botafogo sem sofrer gols com Airton em campo
Não é só por isso. penso mais na qualidade das escolhas dele. Mais do que ser defensivo, Quando joga bem, a gente sofre menos.

Gás extra após a viradaSim, mas estamos só começando, vamos tratar jogo a jogo. Esse gás vai até quinta-feira. Temos que fazer um bom jogo contra o Atlético-MG.

Previsão para Canales e Dudu CearenseO que vale é o seguinte: entrou em campo no treino, o que não aconteceu nem com o Dudu, vai de cinco a seis dias, ou sete (para jogar). Nenhum dos dois ainda. Estou conversando com doutor Luiz (Fernando Medeiros), mais uns 15 dias.

Escolha por Fernandes
Tem jogado bem, voltamos a montar o meio de campo com mais força defensiva para dar uma estabilizada. Ele tem boa dinâmica, mas chega muito bem na área. Apesar da posição. ele já foi primeiro volante e meia na base. Tem essa facilidade.

Troca do Atlético-MG do Independência pelo MineirãoPrefiro, é um grande estádio e vai ter um grande público assim como foi hoje.


Fonte: GE/Por Thiago LimaPorto Alegre