segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Com G-6, Camilo promete disposição a mais para levar o Bota à Libertadores


Meia comemora o aumento de vagas na competição sul-americana, lembra luta contra queda e confessa surpresa: "A gente está mais próximo do que imaginava"



Camilo é um dos destaques do
Botafogo em 2016 (Foto: Vitor Silva
 / SSpress / Botafogo)
Com a ampliação de vagas no Campeonato Brasileiro para a Taça Libertadores, o Botafogo entrou de vez na luta por uma vaga na competição sul-americana. O Alvinegro, após a vitória por 2 a 0 sobre o Corinthians, na Ilha do Governador, chegou aos 41 pontos e ocupa a oitava posição (com um ponto a menos que o Atlético-PR, sexto). Em participação no "Seleção SporTV", o meia Camilo destacou que o Glorioso terá motivação extra para subir na classificação.


- É uma coisa que, no início do campeonato, não era a nossa realidade. Com essa notícia agora, a gente tem mais disposição e fica mais feliz, com essa possibilidade de ir para a Libertadores no próximo ano. A gente ficou devendo muito no jogo contra o América-MG. A gente tinha que dar uma resposta para a gente mesmo. Nós fizemos um grande jogo no primeiro tempo e soubemos matar o jogo - disse o jogador.



Camilo lembra que, no início do campeonato, o Botafogo lutava contra o rebaixamento. No entanto, depois que passou a jogar no Rio de Janeiro, o Alvinegro arrancou. Agora, o meia acredita que o time precisa aproveitar todas as rodadas para ir à Libertadores.


- O Jair (Ventura, técnico) fala muito dos 46 pontos. Depois de alcançar 46 ou 47 pontos, a gente pensa em alguma coisa. A gente está agora muito mais próximo do que imaginava. Tem que almejar. A gente fez grandes jogos, contra grandes equipes. A gente faz da Ilha uma casa muito forte, a gente conhece o gramado, apesar de não ser bom. A gente tem que aproveitar cada instante, cada rodada, para subir e almejar essa vaga.


Com contrato até maio de 2018, Camilo não pensa em deixar o Alvinegro e acredita estar vivendo a melhor fase de sua carreira em General Severiano.


- Essa questão é com o Botafogo e meus representantes. Eu quero manter o foco. Estou muito feliz com tudo que está acontecendo na minha vida no Botafogo. E continuar. Agora, com essa possibilidade de Libertadores, a gente tem que se concentrar mais, para almejar coisas que vão deixar o torcedor muito feliz (...) Essa é uma oportunidade que eu sempre esperei. Sou do Rio e sempre sonhei em vestir a camisa de um grande time daqui. Tive a oportunidade de jogar no Cruzeiro e no Sport, mas uma sequência como esta eu nunca tinha vivido (...) Estou muito feliz, agradeço por estar aqui, eu dou meu máximo, para fazer meu melhor e meu futebol estar crescendo.


O Botafogo volta a campo no próximo domingo, para enfrentar o Figueirense, no Orlando Scarpelli. O Glorioso precisa ultrapassar Atlético-PR e Corinthians na classificação para chegar à zona de classificação para a Libertadores.


Fonte: GE/Por SporTV.comRio de Janeiro