domingo, 4 de janeiro de 2015

Botafogo empata sem gols com XV e decepciona em estreia na Copa SP


Em jogo com poucos lances de ataque, equipe carioca não supera defesa do time piracicabano e fica no 0 a 0 na primeira rodada da Copinha, em São Carlos


Se o ano de 2014 não terminou bem para o Botafogo - a equipe carioca foi rebaixada para a Série B do Brasileiro -, 2015 não começou promissor. Na estreia do Alvinegro na Copa São Paulo de Futebol Júnior, os jovens botafoguenses não saíram de um empate com o XV de Piracicaba por 0 a 0, neste domingo, em partida realizada em São Carlos, cidade-sede do Grupo G.

Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Maurício de Souza fica na vice-liderança da chave, empatado com o próprio Nhô Quim, ambos com um ponto conquistado. O líder do grupo é o São Carlos, que bateu o Itabaiana-SE no jogo de abertura por 3 a 1, e aparece com três pontos.

As quatro equipes do Grupo G voltam a campo pela segunda rodada da Copinha na próxima quarta-feira. Às 14h, o São Carlos enfrenta o XV de Piracicaba, enquanto o Botafogo encara o Itabaiana na sequência, às 16h. As duas partidas acontecem no estádio Luisão.


MUITA DISPOSIÇÃO, POUCO FUTEBOL

Botafogo e XV Piracicaba fizeram jogo morno em
São Carlos (Foto: Angelo Tedeschi)
Se o momento do time profissional não é bom, os garotos do Botafogo, atual campeão carioca sub-20, querem mostrar que a base pode salvar o clube em 2015. Dispostos a mostrar serviço para a nova comissão técnica liderada por Renê Simões e pelo gerente de futebol Antônio Lopes, que garantiu recentemente que o clube vai dar mais oportunidades para a base em 2015, as jovens promessas alvinegras ganharam um incentivo a mais para o confronto contra o Nhô Quim.

Em campo, porém, apesar da disposição física, o primeiro tempo foi morno. Tanto Botafogo quanto XV de Piracicaba foram burocráticos. Mesmo com muita movimentação, os jogadores dos dois times tiveram muitas dificuldades na criação das jogadas e os goleiros pouco trabalharam.

O lance mais quente da primeira etapa acabou sendo um desentendimento entre os jogadores cariocas e paulistas, após uma disputa de bola no setor de ataque da equipe piracicabana.


0 A 0 INSISTENTE

A dificuldade na criação das jogadas evidenciada no primeiro tempo também esteve presenta na etapa final em São Carlos. Tanto que o primeiro lance de perigo aconteceu apenas aos 28 minutos, quando o meia Moraes achou Dierson livre na entrada da área e o volante acertou uma pancada na trave do gol quinzista.

O lance pareceu ter acordado a equipe adversária que, no minuto seguinte, respondeu com o meia Bruninho, em um rápido contra-ataque. O jogador recebeu belo passe do atacante Matheus de Paula e chutou forte, para boa defesa do goleiro botafoguense.

Mas, apesar do esboço de criatividade e emoção, as duas equipes não conseguiram furar o bloqueio defensivo adversário. No último lance do jogo, aos 49, o goleiro do XV, Douglas Baldini fez bela defesa em chute de fora da área, a bola passou entre as pernas de Yuri e, ao fim, o zagueiro do time paulista afastou o perigo e decretou o 0 a 0.

Por Angelo TedeschiSão Carlos, SP/GE